Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Oficial de Justiça

Bem-vindo/a ao DIÁRIO DIGITAL DOS OFICIAIS DE JUSTIÇA DE PORTUGAL publicação periódica independente com 6 anos de publicações diárias especialmente dirigidas aos Oficiais de Justiça



oficialdejustica.blogs.sapo.pt
DIÁRIO DIGITAL DOS OFICIAIS DE JUSTIÇA DE PORTUGAL (DD-OJ)
As publicações desta página podem ser encontradas diariamente em diversas plataformas:
oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt

...............................................................................................................................
| | | - COVID-19
[1] - Consulte aqui os dados oficiais diários atualizados da DGS e infografias
[2] - Consulte também aqui, em primeira mão, as notícias que a agência Lusa fornece para a comunicação social, entretanto com acesso gratuito

...............................................................................................................................

Terça-feira, 24.07.18

Os Bodes são Expiatórios e ainda Respiratórios

      O cidadão português, intoxicado pelos políticos populistas, costuma ter algumas ideias fulcrais sobre a Administração Pública e que são as seguintes:

      -1- Os funcionários públicos são tantos e tantos que são os responsáveis por todos os males do país, menos de metade chegavam e sobravam para o que fazem;

      -2- Cada vez que alguém recorre a um serviço público é uma seca por ter de esperar nas filas e não ver resolvido o assunto que pretendia tratar;

      -3- Ganham rios de dinheiro e estão sempre a pedir mais e mais;

      -4- Têm imensas regalias e não fazem nada, passam o tempo na Internet ou a tratar das suas vidinhas e, para concluir:

      -5- Antigamente é que era; volta Salazar!

      Estas bases do pensamento populista são todas falsas e até contraditórias em si mesmas, no entanto, são populares e, pontualmente, rendem votos e isso é o que verdadeiramente interessa.

      Por estes dias, temos vindo a assistir ao processo de renovação da implantação destas velhas ideias no povo eleitor, recorrendo, como habitualmente, ao sempre benévolo e disponível serviço dos mass media.

      O prato forte tem sido a discussão sobre o Orçamento de Estado, passando-se a ideia de que o Orçamento é para o país inteiro e não apenas para aqueles que estiveram uma década sem receber os salários devidos, diz Centeno e, portanto, todos, porque todos são Centeno.

      Não se esqueça que a causa dos professores, embora mais mediática e com mais tempo de antena, não é apenas dos professores mas de outras carreiras, entre elas, claro está, a dos Oficiais de Justiça.

      Toda esta intoxicação visa criar enjoo e náusea, seguida de repúdio e agonia, terminando na impossibilidade de qualquer partido se atrever a reivindicar o cumprimento daquilo que já havia sido decidido e poderia voltar a incluir-se, de forma mais concreta no próximo Orçamento de Estado, porque, a fazê-lo, cairia em desgraça na opinião pública já tão trabalhada que repugna tudo e todos que defendam esses bandidos que são os funcionários públicos; uns comedores e uns chupistas.

      Esta estratégia contaminadora e viral vem sempre surtindo efeito e todos os governos dela se aproveitam para saírem mais ou menos imaculados dos problemas e das trapalhadas em que se metem. Basta com debitar para a comunicação social acéfala e acrítica meia-dúzia de parangonas e já está, fica tudo em pantanas.

      E vem tudo isto a propósito dos dados do Eurosat sobre os funcionários públicos na União Europeia. Os dados, que foram ontem publicados pelo Eurostat (gabinete de estatística da União Europeia) fazem uma radiografia aos funcionários públicos na Europa. Quantos são e quanto ganham.

      Desses dados, constatamos que, afinal, o imenso mar de gente que em Portugal se considera parasita corresponde a um número muito inferior de muitos países e está mesmo abaixo da média europeia.

      Ou seja, Portugal situa-se entre os países da União Europeia onde o emprego público pesa menos e não onde pesa mais como é voz corrente.

      De acordo com os dados divulgados pelo Eurostat, em Portugal 15% dos cidadãos empregados eram funcionários públicos, em 2016, o que fica abaixo da média comunitária (16%).

      Os serviços públicos dos países nórdicos é que é bom, pois é, na Suécia, 29% são funcionários públicos, na Dinamarca são 28%, na Finlândia são 25%, na Estónia 23%, na Lituânia, na França e na Hungria são 22%... Pois é, quem quer qualidade e rapidez tem que ter meios para isso e os meios têm que ser humanos, porque para humanos são também.

      Em média, na União Europeia, um funcionário público aufere de vencimento 2600 euros brutos mensais.

      A título comparativo, os vencimentos médios privados na União Europeia, nas áreas das “finanças e seguros”: 3800 euros, nas “atividades profissionais e técnicas: 3500 euros e na “gestão de esgotos e águas”: 2100 euros.

      Já em Portugal, nas mesmas áreas, os valores descem, respetivamente, para 2500 euros, 1555 euros e 1074 euros, o que revela uma diferença significativa em relação à média comunitária.

      Na função pública, os melhores estados-membro, são a Dinamarca, com vencimentos médios de 4500 euros, a Irlanda: 4300 euros, a Suécia: 3700 euros e os Países Baixos: 3600 euros).

      Em contraste e no grupo de Portugal, encontra-se a Hungria, Roménia e Bulgária com vencimentos entre os 500 e os 700 euros.

      O jornal “online” Eco, especializado em assuntos de economia, fazia o seguinte título para estes dados do Eurostat, referindo que em Portugal, os funcionários públicos são “Poucos e mal pagos”, para explicar de seguida que os “funcionários públicos portugueses ganham menos 46 euros por dia que os colegas europeus”.

      O retrato do gabinete de estatística da União Europeia mostra que os funcionários públicos em Portugal ganham, em média, 1396 euros mensais, cerca de metade do que se ganha na Europa.

      De acordo com os dados da Direção-Geral da Administração e do Emprego Público, Portugal tinha 674379 funcionários públicos no final do primeiro trimestre de 2018.

      Se em termos de número de funcionários púbicos aparecemos na cauda da Europa, em termos salariais o cenário é idêntico.

SecretariaProcessos39.jpg

      O conteúdo deste artigo é de produção própria e contém formulações próprias que não correspondem a uma reprodução de qualquer outro artigo de qualquer órgão de comunicação social. No entanto, este artigo tem por base informação colhida na comunicação social que até pode estar aqui parcialmente reproduzida ou de alguma forma adaptada, tal como a imagem que o ilustra. Pode aceder às fontes ou à principal fonte informativa que serviu de base ou mote a este artigo, através da(s) seguinte(s) hiperligação(ões): “ionline” e “eco”.

por: GF
oficialdejustica.blogs.sapo.pt

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 08:04


BandeiraPT oficialdejustica.blogs.sapo.pt
.................................................. INICIATIVAS COMPLEMENTARES:
..................................................
PERMUTAS para Oficiais de Justiça (Lista de Permutas)
Veja os pedidos existentes e envie os seus para o e-mail dedicado:
PermutasOJ@sapo.pt
Consulte a lista aqui

saiba+aqui
..................................................
Legislação e Publicações Relevantes - Lista com seleção diária de legislação e outras publicações relevantes em Diário da República e noutras fontes.
Consulte a lista aqui
saiba+aqui

..................................................
Lista de Alojamentos
Anúncios de Procura e de Oferta de alojamentos para Oficiais de Justiça. Contacte pelo e-mail dedicado:
ProcuraAlojamento@sapo.pt
Consulte a lista aqui

saiba+aqui
..................................................
Grupo WhatsApp para Oficiais de Justiça
A comunicação direta de, para e com todos. Saiba+Aqui

..................................................
Lista de Anúncios para Partilha de Carro
Boleias e partilhas de lugares nos carros, sejam diárias, aos fins-de-semana, para férias ou ocasionais, anuncie a disponibilidade e contacte pelo e-mail dedicado:
PartilhaDeCarro@sapo.pt
Consulte a lista aqui

saiba+aqui
..................................................
Estatuto dos Oficiais de Justiça EOJ - Para assuntos relacionados com o Estatuto em apreciação use o e-mail dedicado:
Estatuto-EOJ@sapo.pt

veja+aqui
..................................................
Histórias de Oficiais de Justiça (Compilação)
Envie histórias, peripécias, sustos, etc. para o e-mail dedicado:
HistoriasDeOficiaisDeJustica@sapo.pt

saiba+aqui

..................................................
Acordos & Descontos para Todos - Lista de descontos para Oficiais de Justiça oferecidos por empresas privadas.
Consulte a lista aqui
saiba+aqui

..................................................
Endereço Geral da página - Para assuntos diversos, use o endereço de e-mail geral:
OJ@Sapo.Pt

..................................................
Veja por aqui + informação sobre o Perfil / Autoria da página
+
Veja também por aqui o Estatuto Editorial e a Direção desta publicação
..................................................
Dúvidas sobre a Justiça?
Ligue para a Linha Justiça
(MJ) (chamada gratuita):
800 910 220
(das 9h às 19h nos dias úteis)
saiba+aqui e veja também o portal da Justiça em justiça.gov.pt
..................................................
Linha de Emergência Social:
Apoio da Segurança Social e do Ministério da Justiça:
144 (Linha Gratuita 24 h)
saiba+aqui
Linha da Segurança Social:
300 502 502 (das 09h às 18h)
..................................................
Outras Linhas de Apoio:
808 24 24 24 - SNS 24 / Saúde 24
(custo de chamada local)
800 209 899 - SOS Voz Amiga
(das 16h às 24h) (gratuita)
808 237 327 - Conversa Amiga
(das 15h às 22h) (gratuita)
239 484 020 - SOS Estudante
(das 20h à 1h)
222 080 707 - Telf. Esperança
(das 20h às 23h)
800 990 100 - SOS Pessoa Idosa
(das 10h às 17h) (gratuita)
..................................................

Meteorologia

Porto
Lisboa
Faro

Pesquisar

Pesquisar no Blog  


Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D

Para Contactar:

Para mensagens breves pode usar a caixa de mensagens abaixo (mensagens instantâneas) ou usar o endereço geral de e-mail: oj@sapo.pt para mensagens maiores, com imagens ou anexos ou se quiser uma resposta.

Mensagens Instantâneas

Na caixa de mensagens abaixo pode enviar qualquer tipo de mensagem de forma simples e rápida. Basta escrever, carregar no botão "Enviar" e já está. Estas mensagens são anónimas, não são públicas nem são publicadas. Como as mensagens são anónimas se quiser resposta indique o seu e-mail.

Mensagens

Subscrever para receber e-mail

Pode receber no seu e-mail cada artigo aqui publicado, para isso basta indicar o seu e-mail e depois ir lá confirmar a subscrição na mensagem que lhe será enviada. Simples, automático e recebendo cada artigo logo que publicado. .................................................

Escreva abaixo o seu endereço de e-mail:

Não esqueça ir depois ao seu e-mail confirmar a subscrição (se ocorrer avaria comunique).


Comentários

Pode comentar cada artigo e responder a comentários já existentes. Os comentários podem ser anónimos ou identificados e o conteúdo não é previamente (mas posteriormente) verificado.
Para comentar os artigos selecione "Comentar".
Os comentários são públicos. Para mensagens privadas use a caixa de mensagens ou o e-mail.
Os comentários ou respostas colocados pela administração da página surgem identificados como "oficialdejustica" e clicando no nome acede ao perfil da página. Não se identifique com nomes e de forma igual ou parecida com a referida designação.
Os comentários e as críticas não devem atingir pessoas mas apenas ideias. A discussão deve ser saudável, construtiva e digna. Serão eliminados os comentários que se julguem inadequados.

Comentários recentes

  • Anónimo

    é ler o ponto 7

  • Anónimo

    Era só o que faltava! O teletrabalho é obrigatório...

  • Anónimo

    Pelo que percebi no regime de rotatividade (turnos...

  • Anónimo

    É um absurdo, no meio de uma desgraça aqui está ou...

  • Anónimo

    E nada dizem sobre o correio(cartas) internacional...

  • Anónimo

    Ponto 7:Se o funcionário não tiver funções que lhe...

  • Anónimo

    Todos os trabalhos têm um horário de trabalho, tod...

  • oficialdejustica

    Claro que não tem que concordar com isso. Quem con...

  • oficialdejustica

    Não está na página dos CTT, trata-se de um extrato...

  • oficialdejustica

    Não, não está nada bem patente na informação dos C...

  • Donzília Santos

    Os CTT prestam um excelente trabalho e têm muito b...

  • oficialdejustica

    Não há discrepância nenhuma com a informação prest...

  • Anónimo

    Deixaram privatiza-los agora aguentem!

  • Anónimo

    Concordo com a atitude tomada pelos CTT, a seguir ...

  • Anónimo

    Concordo plenamente. Sou carteiro e não diria melh...

  • Anónimo

    Levante- se mais cedo e abra as 9:00

  • Carteiro profissional

    Existe aqui uma grande diferença entre esta inform...

  • Anónimo

    Vou colocar na minha caixa de correio, horário 12:...

  • Anónimo

    Quer um horário só para si?

  • Anónimo

    As encomendas que manda vir à cobrança vão continu...

  • Anónimo

    Caríssimo, bons e maus profissionais existem em to...

  • Anónimo

    Será só estupidez da tua parte ou é doença mesmo?

  • Anónimo

    Então e se não tiver horário de funcionamento na p...

  • Anónimo

    Boa tarde eu infelizmente tive um grave acidente e...

  • Anónimo

    Correto!




oficialdejustica.blogs.sapo.pt

Ligações

Ligações de INTERESSE:

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  •  
  • Ligações a LEGISLAÇÃO

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  • Em alguns casos, pode não ver todo o documento mas só a primeira página. Baixe o documento para o ver e ficar com ele na totalidade.

  •  
  • _______________________

  •  
  • Ligações a DOCUMENTOS

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  •  
  • Ligações dos TRIBUNAIS

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  •  
  • POR e PARA Oficiais de Justiça

  •  
  •  
  • ________________________


    Onde encontrar o Ofici@l de Justiç@?

    Os artigos aqui publicados são distribuídos por e-mail a quem os subscrever e são ainda publicados no Facebook, no Twitter, no "Blogs Portugal", no "Reddit" e no WhatsApp, ou seja, em 7 plataformas diferentes:

    1- Sapo (oficialdejustica)

    2- Facebook (OficiaisJustiçaPortugal)

    3- Twitter (OfJustica)

    4- Blogs Portugal

    5- Reddit (OficialJustica)

    6- WhatsApp

    7- Assinantes por "e-mail"


    subscrever feeds





    Para além das outras possibilidades de comunicação, se pretender comunicar por e-mail, use o endereço abaixo indicado:

    OJ@SAPO.PT

    .......................................................................................................................