Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Oficial de Justiça

Esta página é uma iniciativa informativa DIÁRIA especialmente vocacionada para Oficiais de Justiça. De forma independente da administração da justiça e dos sindicatos, aqui se disponibiliza a informação relevante com um novo artigo todos os dias.



oficialdejustica.blogs.sapo.pt
As publicações desta página podem ser encontradas diariamente em diversas plataformas:
oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt

FERIADOS MUNICIPAIS NESTA SEMANA:
- 24JUN-Seg - Alcácer do Sal, Alcochete, Almada, Almodôvar, Angra do Heroísmo, Armamar, Arronches, Braga, Calheta, Castelo de Paiva, Castro Marim, Cinfães, Figueira da Foz, Figueiró dos Vinhos, Guimarães, Horta, Lourinhã, Lousã, Mértola, Moimenta da Beira, Moura, Nelas, Porto, Porto Santo, Santa Cruz das Flores, São João da Pesqueira, Sertã, Tabuaço, Tavira, Valongo, Vila do Conde, Vila Franca do Campo, Vila Nova de Gaia e Vila do Porto (Dia de São João).
- 28JUN-Sex - Barreiro.
- 29JUN-Sab - Alfândega da Fé, Bombarral, Castro Daire, Castro Verde, Évora, Felgueiras, Lages do Pico, Macedo de Cavaleiros, Montijo, Penedono, Porto de Mós, Póvoa de Varzim, Ribeira Brava, Ribeira Grande, São Pedro do Sul, Seixal e Sintra (Dia de São Pedro / Santos Populares).
& pode ver + no Calendário do Oficial de Justiça 2019
...............................................................................................................................

Quinta-feira, 23.05.19

A recuperação da pequena parte do tempo congelado pelas carreiras especiais

      “Tempo de serviço: carreiras respondem a solução do Governo com greves, vigílias e petições”, era este o título do artigo do Público desta terça-feira (21MAI) sobre a publicação do Decreto-lei que aborda a recuperação faseada de 2 anos, 1 mês e 6 dias, para os Oficiais de Justiça, com efeitos práticos para alguns até daqui a quatro anos enquanto que para outros haverá menos e mesmo nada e nunca.

      Este assunto já foi aqui abordado, também na passada terça-feira (21MAI), com o artigo intitulado “A mitigação e a ilusão da recuperação”, aí podendo até apreciar um exemplo de recuperação que explicita a contabilidade da recuperação.

      No artigo do Público, destaca-se a atividade dos Oficiais de Justiça em relação às demais carreiras. O artigo aborda a greve que o SOJ vai anunciar dentro de dias, cujo aviso prévio já entregou, para decorrer entre junho e outubro, e a vigília do SFJ, a par de uma petição dos militares da GNR dirigida ao Parlamento.

      A posição comum de todas as carreiras afetadas é a de que ninguém se conforma com a solução do Governo, com exceção do conformismo e até concordância por parte dos magistrados do Ministério Público e judiciais.

      Carlos Almeida, presidente do SOJ, declarou que «Nenhuma carreira pode aceitar este desfecho» acrescentando que só estava à espera da publicação do diploma para entregar um aviso prévio de greve que deverá estender-se desde junho até às eleições legislativas de outubro. «Não nos resta outro caminho», afirma o presidente do SOJ, acrescentando que para além da recuperação do tempo de serviço, os Oficiais de Justiça há muito aguardam por uma revisão da carreira.

      Por sua vez, o SFJ lamenta que o Governo não tenha ido mais longe. «Não concordamos com o tempo que vamos recuperar», diz o presidente Fernando Jorge, lembrando que a estrutura já tinha marcado para esta semana vigílias diárias em frente ao Ministério das Finanças para protestar contra a medida do Governo e para reclamar a integração do suplemento remuneratório no vencimento.

      António Ventinhas, presidente do Sindicato dos Magistrados do Ministério Público (SMMP), continua a defender que a “solução que melhor se adequa é a reposição integral do tempo congelado” (9A4M2D), ainda que de forma faseada. Por isso, os magistrados do MP opõem-se à solução do Governo que “nem 25% do tempo congelado permite recuperar” mas António Ventinhas lamenta conformado que “na fase final da legislatura, já nada se irá alterar”.

      Já para Manuel Soares, presidente da Associação Sindical dos Juízes (ASJP), a solução do Governo não é vista com a mesma perspetiva derrotista e conformada dos magistrados do SMMP mas de uma forma positiva, com aceitação da solução estabelecida pelo Governo: «Aceitamos um sistema uniforme para todas as profissões pagas por verbas públicas», acrescentando que é difícil contabilizar o efeito do diploma na carreira dos juízes.

      Parecem ser declarações óbvias por parte desta entidade representativa dos juízes que não se mostra desagradada com o Governo, designadamente com as negociações que estabeleceu com a também juíza (conselheira) Francisca van Dunem.

      Os militares da GNR dizem que têm uma petição em curso desde o início de abril, prevendo chegar rapidamente às quatro mil assinaturas (têm neste momento 3200 assinaturas) para que o Parlamento altere o diploma. Esta iniciativa pertence a várias associações que representam militares da GNR e também da Polícia Marítima. “Não vamos desistir de recuperar todo o tempo congelado”, assegura César Nogueira, presidente da Associação de Profissionais da Guarda (APG). “Não aceitamos o que está previsto, é insuficiente”, critica. “Vamos reunir para ver as melhores formas de luta. Este é ano de eleições e se formos para a rua pode ser que os governantes percebam que existimos”.

Artigo-Publico-21MAI2019.jpg

      O conteúdo deste artigo é de produção própria e contém formulações próprias que não correspondem a uma reprodução de qualquer outro artigo de qualquer órgão de comunicação social ou entidade. No entanto, este artigo tem por base informação colhida na comunicação social e noutras entidades que até pode estar aqui parcialmente reproduzida ou de alguma forma adaptada. Pode aceder às fontes ou à principal fonte informativa que serviu de base ou mote a este artigo, através da(s) seguinte(s) hiperligação(ões): “Público” e “SOJ”.

por: GF
oficialdejustica.blogs.sapo.pt

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 08:03


3 comentários

De Durval Lopes a 23.05.2019 às 09:25

"«Não concordamos com o tempo que vamos recuperar», diz o presidente Fernando Jorge", a arte de dizer uma coisa e o seu contrário

De Anónimo a 23.05.2019 às 22:06

Quem fica mais fragilizado é o SFJ.

De Anónimo a 23.05.2019 às 22:56

Gostaria de saber quantos associados do SFJ existiam em 2015 e quantos existem atualmente?
Seria um bom exercício para medir a confiança na atual estrutura sindical.

Comentar Artigo



BandeiraPT oficialdejustica.blogs.sapo.pt .................................................. < NOVO > Grupo WhatsApp para Oficiais de Justiça
A comunicação direta de, para e com todos. Saiba+Aqui

.................................................. < NOVO > Lista de Anúncios para Partilha de Carro
Boleias e partilhas de lugares nos carros, sejam diárias, aos fins-de-semana, para férias ou ocasionais, anuncie a disponibilidade e contacte pelo e-mail dedicado:
PartilhaDeCarro@sapo.pt
Consulte a lista aqui

saiba+aqui
.................................................. PERMUTAS para Oficiais de Justiça (Lista de Permutas)
Veja os pedidos existentes e envie os seus para o e-mail dedicado:
PermutasOJ@sapo.pt
Consulte a lista aqui

saiba+aqui
.................................................. Histórias de Oficiais de Justiça (Compilação)
Envie histórias, peripécias, sustos, etc. para o e-mail dedicado:
HistoriasDeOficiaisDeJustica@sapo.pt

saiba+aqui

..................................................
Estatuto dos Oficiais de Justiça EOJ - Para assuntos relacionados com o Estatuto em apreciação use o e-mail dedicado:
Estatuto-EOJ@sapo.pt

veja+aqui
..................................................
Endereço Geral da página - Para assuntos diversos, use o endereço de e-mail geral:
OJ@Sapo.Pt

..................................................
Veja por aqui + informação sobre o Perfil / Autoria da página
..................................................
Dúvidas sobre a Justiça?
Ligue para a Linha Justiça
(MJ) (chamada gratuita):
800 910 220
(das 9h às 19h nos dias úteis)
saiba+aqui e veja também o portal da Justiça em justiça.gov.pt
..................................................
Linha de Emergência Social:
Apoio da Segurança Social e do Ministério da Justiça:
144 (Linha Gratuita 24 h)
saiba+aqui
Linha da Segurança Social:
300 502 502 (das 09h às 18h)
..................................................
Outras Linhas de Apoio:
800 209 899 - SOS Voz Amiga
(das 16h às 24h) (gratuita)
808 237 327 - Conversa Amiga
(das 15h às 22h) (gratuita)
239 484 020 - SOS Estudante
(das 20h à 1h)
222 080 707 - Telf. Esperança
(das 20h às 23h)
800 990 100 - SOS Pessoa Idosa
(das 10h às 17h) (gratuita)
..................................................

Meteorologia

Porto
Lisboa
Faro

Pesquisar

Pesquisar no Blog  


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Para Contactar:

Para mensagens breves pode usar a caixa de mensagens abaixo (mensagens instantâneas) ou usar o endereço geral de e-mail: oj@sapo.pt para mensagens maiores, com imagens ou anexos ou se quiser uma resposta.

Mensagens Instantâneas

Na caixa de mensagens abaixo pode enviar qualquer tipo de mensagem de forma simples e rápida. Basta escrever, carregar no botão "Enviar" e já está. Estas mensagens são anónimas, não são públicas nem são publicadas. Como as mensagens são anónimas se quiser resposta indique o seu e-mail.

Mensagens

Subscrever para receber e-mail

Pode receber no seu e-mail cada artigo aqui publicado, para isso basta indicar o seu e-mail e depois ir lá confirmar a subscrição na mensagem que lhe será enviada. Simples, automático e recebendo cada artigo logo que publicado. .................................................

Escreva abaixo o seu endereço de e-mail:

Não esqueça ir depois ao seu e-mail confirmar a subscrição (se ocorrer avaria comunique).


Comentários

Pode comentar cada artigo e responder a comentários já existentes. Os comentários podem ser anónimos ou identificados e o conteúdo não é previamente (mas posteriormente) verificado.
Para comentar os artigos selecione "Comentar".
Os comentários são públicos. Para mensagens privadas use a caixa de mensagens ou o e-mail.
Os comentários ou respostas colocados pela administração da página surgem identificados como "oficialdejustica" e clicando no nome acede ao perfil da página. Não se identifique com nomes e de forma igual ou parecida com a referida designação.
Os comentários e as críticas não devem atingir pessoas mas apenas ideias. A discussão deve ser saudável, construtiva e digna. Serão eliminados os comentários que se julguem inadequados.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Boa Tarde,Sei que entrei no comentário errado, mas...

  • Anónimo

    O senhor é do SIS?O senhor sabe? ! melhor que do q...

  • Anónimo

    Ora bem. .!!! só não vê quem não quer.As promoções...

  • Anónimo

    Um abraço a si. Desnecessária identificaçãoalguma....

  • oficialdejustica

    Ninguém precisa de se identificar para poder comen...

  • Anónimo

    Boa Noite,Identifique-se; E depois falamos.Teme al...

  • Anónimo

    Boa Noite,Esta Resposta não era para esta comentár...

  • Anónimo

    Boa Noite,Identifique-se; E depois falamos.Teme al...

  • Ph

    Acho muito bem que assim seja. De facto, os lugare...

  • Anónimo

    Perguntem ao sargento como passar entre as pingas ...

  • Anónimo

    Acrescento que nada, completamente nada, há a dize...

  • Anónimo

    Senhor Diretor,Monitorize o que se passa cá.Seja e...

  • Anónimo

    O problema subsiste e não tem resolução à vista tã...

  • Anónimo

    Pague-se bem apenas a quem trabalha.Crime também é...

  • Anónimo

    Colega, li o seu comentário e gostei do que escrev...

  • Anónimo

    até porque o que está realmente em causa são as pr...

  • Anónimo

    Pois... e é agora com um governo a ir de férias, p...

  • donzilia santos

    Essa agora!Isso que disse de, mesmo que não se con...

  • Anónimo

    Os sindicatos ainda não perceberam, que a adesão à...

  • Anónimo

    Atrasados? Não; muito atrasados! Mais uma vez ador...

  • Anónimo

    Estes dias de greve e concentrações só vêm atrasad...

  • oficialdejustica

    Não, não se quer dizer isso; vale sempre a pena us...

  • Anónimo

    Pelo contrário. A greve justifica-se mais do que n...

  • Anónimo

    «Como se sabe, o decreto-lei está prestes a ser pu...

  • Anónimo

    Um comentário à foto em que o colega do SFJ surge ...




oficialdejustica.blogs.sapo.pt

Ligações

Ligações de INTERESSE:

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  •  
  • Ligações a LEGISLAÇÃO

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  • Em alguns casos, pode não ver todo o documento mas só a primeira página. Baixe o documento para o ver e ficar com ele na totalidade.

  •  
  • _______________________

  •  
  • Ligações a DOCUMENTOS

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  •  
  • Ligações dos TRIBUNAIS

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  •  
  • POR e PARA Oficiais de Justiça

  •  
  •  
  • ________________________


    Onde encontrar o Ofici@l de Justiç@?

    Os artigos aqui publicados são distribuídos por e-mail a quem os subscrever e são ainda publicados no Facebook, no Twitter, no "Blogs Portugal", no "Reddit" e no WhatsApp, ou seja, em 7 plataformas diferentes:

    1- Sapo (oficialdejustica)

    2- Facebook (OficiaisJustiçaPortugal)

    3- Twitter (OfJustica)

    4- Blogs Portugal

    5- Reddit (OficialJustica)

    6- WhatsApp

    7- Assinantes por "e-mail"






    Para além das outras possibilidades de comunicação, se pretender comunicar por e-mail, use o endereço abaixo indicado:

    OJ@SAPO.PT

    .......................................................................................................................