Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Oficial de Justiça

Esta página é uma iniciativa informativa DIÁRIA especialmente vocacionada para Oficiais de Justiça. De forma independente da administração da justiça e dos sindicatos, aqui se disponibiliza a informação relevante com um novo artigo todos os dias.



oficialdejustica.blogs.sapo.pt
As publicações desta página podem ser encontradas diariamente em diversas plataformas:
oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt


Sexta-feira, 24.05.19

Como um Interruptor: Honrar e Desonrar Palavras Dadas

      Esta semana, na coluna de opinião do Correio da Manhã, o presidente do Sindicato dos Funcionários Judiciais, Fernando Jorge, subscrevia o artigo intitulado “Honrar a palavra” que a seguir transcrevemos:

      «Foi em 14 de novembro do ano passado que a ministra da Justiça, Francisca van Dunem, disse na Assembleia da República, perante os deputados da Comissão do Orçamento, referindo-se à nossa reivindicação de integração do suplemento no vencimento: "É uma reivindicação antiga e parece-me justa, dos Oficiais de Justiça, e o Governo não vê nenhuma razão para não estar de acordo com ela".

      Já lá vão seis meses e o compromisso continua por cumprir.

      Entretanto, o Governo já aprovou (e bem!) solução idêntica relativa ao suplemento dos magistrados.

      Tal como na questão da recuperação do tempo de serviço congelado em que o Governo deu o dito por não dito, esperamos que tal postura não suceda também com esta questão.

      Porque, se assim for, para além do Governo enganar uma classe profissional que merece ser respeitada, de ter dois pesos e duas medidas para profissionais dos tribunais, está a faltar ao seu próprio compromisso e a desconsiderar de forma lamentável a palavra da sua ministra da Justiça.

      Para relembrar o Governo desta promessa, estaremos esta semana, todos os dias, em vigília em frente ao Ministério da Justiça.

      Afinal, palavra dada é, ou não, palavra honrada?»

Artigo-CM-20190521.jpg

      Este artigo desta semana é mais do mesmo. Já no ano passado, em artigo semelhante, até no título: “A honra da palavra”, a 05-06-2018, Fernando Jorge, concluía da mesma forma.

      Um ano depois, Fernando Jorge publica novo artigo de opinião abordando a mesma honra da palavra. Não parece haver um atraso de seis meses desde as declarações da ministra da Justiça, como refere Fernando Jorge, mas um atraso de anos e, sem ir mais longe, de, pelo menos, um ano inteiro, desde as declarações deste mesmo presidente deste mesmo sindicato.

      Constava assim a 05-06-2018: «Em reunião realizada em janeiro, o Ministério da Justiça comprometeu-se, para além de outras questões a regularizar um suplemento que na lei é de 10% do vencimento mas que na prática está a ser pago por valor inferior.»

      Ou seja, há um ano atrás referia-se uma reunião e um compromisso de janeiro anterior, isto é, na altura, com, também, seis meses de atraso, relativamente à atualização do suplemento para os verdadeiros 10% do vencimento, percentagem que tinha ficado também congelada no tempo.

      E segue assim o artigo:

      «Estas questões ficavam apenas dependentes da publicação do diploma de execução orçamental. Todavia, após a publicação do mesmo e depois de termos interpelado o Ministério da Justiça sobre o não cumprimento destes compromissos, a resposta foi que se trata de decisões do Ministério das Finanças! Ora, quando estamos a negociar o estatuto sócio profissional, o incumprimento dos compromissos assumidos coloca em causa a boa-fé negocial e a confiança entre as partes.»

      O presidente do SFJ conclui esse artigo afirmando que há uma “falta de consideração” e ainda uma “insensibilidade do Governo” e, por isso, «assumimos um protesto público. Para isso marcamos já greve nacional para dias 29 de junho e 2 e 3 de julho.»

      Conclui-se no artigo assim:

      «Não restam dúvidas que para o Governo "são todos Centeno". Mas nós não! Para nós "palavra dada é palavra honrada"! Mas a sério!»

      Ou seja, daquela vez, três dias de greve, agora, uma semana de vigília, ainda sobre a mesma questão do suplemento. Esta semana de vigília, que começou esta segunda-feira, consiste no estacionamento de uma viatura com um toldo exterior estacionada no Terreiro do Paço, conforme se aprecia nas fotografias abaixo.

      Relativamente às palavras dadas e à honra de tais palavras ou dos compromissos assumidos, os Oficiais de Justiça não esquecem que a desonra de tais palavras dadas não provém apenas do Governo mas também do próprio sindicato, referimo-nos desde logo às duas greves anunciadas, sendo uma delas até aprovada em plenário nacional de todos os trabalhadores, como a semana de janeiro deste ano e a outra semana anunciada para o final de abril e início de maio, com o feriado a meio, ambas assumidas e anunciadas, isto é, com compromisso e palavra dada mas, depois, não honrada.

      De todos modos, a palavra dada pela ministra da Justiça continua a ser honrada, uma vez que a promessa é a da integração do suplemento ocorrer com o decreto-lei de execução orçamental, isto é, a decisão do Governo pela integração do suplemento não vai sair em decreto avulso mas integrado naquele decreto relativo à execução orçamental. Este decreto ainda não saiu mas sairá depois das eleições, portanto, não há atraso na palavra dada nem falta a tal palavra, há apenas um atraso na publicação do tal decreto relativo à execução orçamental e só haverá falta ou desonra da palavra se nesse decreto não estiver lá, também, a integração do suplemento no vencimento.

      Ou seja, esta iniciativa do SFJ de montar a barraca no Terreiro do Paço mostra-se desnecessária, uma vez que o decreto-lei está minimamente atrasado. Para que o leitor tenha noção do atraso, no ano passado este mesmo decreto foi publicado em Diário da República no dia 15 de maio (DL.33/2018-15MAI), portanto, estando nós a 24 de maio, o atraso não parece justificar uma vigília, tanto mais que a eleição ao Parlamento Europeu é daqui a dois dias e, por motivo de campanha eleitoral, é compreensível e é habitual que o Governo postergue as publicações legislativas que vão gerar críticas da oposição para depois das eleições.

      Assim, esta manifestação do SFJ funciona como mero lembrete, mas também como catapulta para que daqui a alguns dias, com a publicação de decreto, venha cantar vitória alegando que foi pela sua ação que o decreto acabou por sair e com a tal integração do suplemento. No entanto, caso o decreto seja publicado e não conste a tal integração, então sim, dir-se-á que o Governo não cumpre a palavra dada mas, até lá; até daqui a alguns dias, assistimos a um fogo-fátuo a que se seguirá um fogo-de-artifício.

SFJ-Vigilia-20MAI2019-(2).jpg

SFJ-Vigilia-20MAI2019.jpg

SFJ-Vigilia-20MAI2019-(1).jpg

      Os dois artigos de opinião do Correio da Manhã aqui citados estão disponíveis (para assinantes) nos seguintes locais: “CM-2018.06.05” e “CM-2019.05.21”.

por: GF
oficialdejustica.blogs.sapo.pt

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 08:04


6 comentários

De Durval Lopes a 24.05.2019 às 09:24

De tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça. De tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto.
- Rui Barbosa

De Anónimo a 24.05.2019 às 13:27


... presidentes vitalícios... que deixaram as coisas chegar a um ponto tal que agora nem se recandidatam...
... os navios... os naufrágios... os ratos...

De Anónimo a 24.05.2019 às 21:53

Tudo a dar em cima do SFJ.
Párem, por favor com essas críticas injustas!. Injustas! Injustas!
Muito antes de se discutirem aumentos salariais, descongelamentos e outras reivindicações justíssimas mas não atendíveis, é urgente que o SFJ, divulgue um inquérito, por comarca, de preenchimento facultativo, para tomar conhecimento do despotismo embriagado e grosseiro que nos comanda aqui nesta pequena parada.
Faça isso, por favor Senhor Sindicato.
Vai colher a informação conclusiva, Senhor Sindicato que soldados rasos graduados em generais são FILHOS DE PORTUGAL. Um país lindo!! lindo.


De Anónimo a 24.05.2019 às 22:29

Fernando Jorge não deve nem merece, nunca, ser objeto de humilhação, nem como pessoa, nem como líder sindical.
A ignorância quando atrevida, presta-se a tudo.
O povo, funcionário dos Tribunais, ao qual eu pertenço, quer encontrar um bode expiatório.
Não é seguramente F.Jorge.
F. Jorge, sempre defendeu públicamente os nossos interesses de carreira.
O segredo sempre foi, dizem, os entendidos, a alma do negócio.
Muita coisa é tratada em segredo, longe do nosso líder sindical FJorge.
No futuro vamos todos perceber que funcionáriozito é filho de um diabinho menor, ainda que mestre ou com doutoramento em direito.

De Anónimo a 24.05.2019 às 21:25

Plenário. Palavra dada é palavra honrada!

De Anónimo a 24.05.2019 às 23:27

Quando é que o SOJ anuncia publicamente o aviso prévio de greve?

Comentar Artigo



BandeiraPT oficialdejustica.blogs.sapo.pt .................................................. < ÚLTIMAS INICIATIVAS >
..................................................
Legislação e Publicações Relevantes - Lista com seleção diária de legislação e outras publicações relevantes em Diário da República e noutras fontes.
Consulte a lista aqui
saiba+aqui

..................................................
Lista de Alojamentos
Anúncios de Procura e de Oferta de alojamentos para Oficiais de Justiça. Contacte pelo e-mail dedicado:
ProcuraAlojamento@sapo.pt
Consulte a lista aqui

saiba+aqui
.................................................. Grupo WhatsApp para Oficiais de Justiça
A comunicação direta de, para e com todos. Saiba+Aqui

.................................................. Lista de Anúncios para Partilha de Carro
Boleias e partilhas de lugares nos carros, sejam diárias, aos fins-de-semana, para férias ou ocasionais, anuncie a disponibilidade e contacte pelo e-mail dedicado:
PartilhaDeCarro@sapo.pt
Consulte a lista aqui

saiba+aqui
.................................................. PERMUTAS para Oficiais de Justiça (Lista de Permutas)
Veja os pedidos existentes e envie os seus para o e-mail dedicado:
PermutasOJ@sapo.pt
Consulte a lista aqui

saiba+aqui
.................................................. Histórias de Oficiais de Justiça (Compilação)
Envie histórias, peripécias, sustos, etc. para o e-mail dedicado:
HistoriasDeOficiaisDeJustica@sapo.pt

saiba+aqui

..................................................
Estatuto dos Oficiais de Justiça EOJ - Para assuntos relacionados com o Estatuto em apreciação use o e-mail dedicado:
Estatuto-EOJ@sapo.pt

veja+aqui
..................................................
Endereço Geral da página - Para assuntos diversos, use o endereço de e-mail geral:
OJ@Sapo.Pt

..................................................
Veja por aqui + informação sobre o Perfil / Autoria da página
..................................................
Dúvidas sobre a Justiça?
Ligue para a Linha Justiça
(MJ) (chamada gratuita):
800 910 220
(das 9h às 19h nos dias úteis)
saiba+aqui e veja também o portal da Justiça em justiça.gov.pt
..................................................
Linha de Emergência Social:
Apoio da Segurança Social e do Ministério da Justiça:
144 (Linha Gratuita 24 h)
saiba+aqui
Linha da Segurança Social:
300 502 502 (das 09h às 18h)
..................................................
Outras Linhas de Apoio:
800 209 899 - SOS Voz Amiga
(das 16h às 24h) (gratuita)
808 237 327 - Conversa Amiga
(das 15h às 22h) (gratuita)
239 484 020 - SOS Estudante
(das 20h à 1h)
222 080 707 - Telf. Esperança
(das 20h às 23h)
800 990 100 - SOS Pessoa Idosa
(das 10h às 17h) (gratuita)
..................................................

Meteorologia

Porto
Lisboa
Faro

Pesquisar

Pesquisar no Blog  


Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Para Contactar:

Para mensagens breves pode usar a caixa de mensagens abaixo (mensagens instantâneas) ou usar o endereço geral de e-mail: oj@sapo.pt para mensagens maiores, com imagens ou anexos ou se quiser uma resposta.

Mensagens Instantâneas

Na caixa de mensagens abaixo pode enviar qualquer tipo de mensagem de forma simples e rápida. Basta escrever, carregar no botão "Enviar" e já está. Estas mensagens são anónimas, não são públicas nem são publicadas. Como as mensagens são anónimas se quiser resposta indique o seu e-mail.

Mensagens

Subscrever para receber e-mail

Pode receber no seu e-mail cada artigo aqui publicado, para isso basta indicar o seu e-mail e depois ir lá confirmar a subscrição na mensagem que lhe será enviada. Simples, automático e recebendo cada artigo logo que publicado. .................................................

Escreva abaixo o seu endereço de e-mail:

Não esqueça ir depois ao seu e-mail confirmar a subscrição (se ocorrer avaria comunique).


Comentários

Pode comentar cada artigo e responder a comentários já existentes. Os comentários podem ser anónimos ou identificados e o conteúdo não é previamente (mas posteriormente) verificado.
Para comentar os artigos selecione "Comentar".
Os comentários são públicos. Para mensagens privadas use a caixa de mensagens ou o e-mail.
Os comentários ou respostas colocados pela administração da página surgem identificados como "oficialdejustica" e clicando no nome acede ao perfil da página. Não se identifique com nomes e de forma igual ou parecida com a referida designação.
Os comentários e as críticas não devem atingir pessoas mas apenas ideias. A discussão deve ser saudável, construtiva e digna. Serão eliminados os comentários que se julguem inadequados.

Comentários recentes

  • OJX – eStad Virtual

    Carreiras EspeciaisRevisão e criação – continuaç...

  • Anónimo

    Para os OJ não puderam nada, muito pelo contrário!

  • Anónimo

    "A Senhora Ministra e a sua equipa fizeram o que p...

  • Anónimo

    Acho que a Senhora Ministra e a sua equipa fizere...

  • Anónimo

    Pena não haver uma ministra ou secretária de estad...

  • Anónimo

    E não fica por aqui!O mais preocupante é o que con...

  • Anónimo

    O colega, caso seja oficial de justiça e não mero ...

  • Anónimo

    O pior é que essa acção, nos últimos anos, foi a ú...

  • Anónimo

    O SOJ?Andam no seu tachinho, repararam que a única...

  • Anónimo

    Onde anda o SOJ?

  • Anónimo

    Peço desculpa o que queria dizer era na parte do "...

  • Anónimo

    Bom dia, obrigada pela resposta. Não sou ingressan...

  • oficialdejustica

    Não é relevante (o IRS) no sentido de que é revers...

  • Anónimo

    Não é relevante! Não é rele...

  • Anónimo

    Aí OIT OIT!

  • oficialdejustica

    A questão do IRS não é relevante, pois é acertado ...

  • Anónimo

    Trata-se de engenharia financeira por causa do déf...

  • oficialdejustica

    Resposta ao comentário anónimo de 16-09-2019 às 20...

  • Anónimo

    INDIGNAÇÃOPonham termo ao que se passa aqui.Mandem...

  • Anónimo

    Mais alguém aconteceu o mesmo? é normal?

  • Anónimo

    Boa noite, ao concorrer às ilhas tentei colocar "s...

  • Anónimo

    Quem ingressou no movimento extraordinário de 2017...

  • Anónimo

    Tem explicação determinada pessoa, no movimento or...

  • Anónimo

    https://www.educare.pt/noticias/noticia/ver/?id=13...

  • Anónimo

    Respondido! Obrigada! Ainda que fique por esclarec...




oficialdejustica.blogs.sapo.pt

Ligações

Ligações de INTERESSE:

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  •  
  • Ligações a LEGISLAÇÃO

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  • Em alguns casos, pode não ver todo o documento mas só a primeira página. Baixe o documento para o ver e ficar com ele na totalidade.

  •  
  • _______________________

  •  
  • Ligações a DOCUMENTOS

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  •  
  • Ligações dos TRIBUNAIS

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  •  
  • POR e PARA Oficiais de Justiça

  •  
  •  
  • ________________________


    Onde encontrar o Ofici@l de Justiç@?

    Os artigos aqui publicados são distribuídos por e-mail a quem os subscrever e são ainda publicados no Facebook, no Twitter, no "Blogs Portugal", no "Reddit" e no WhatsApp, ou seja, em 7 plataformas diferentes:

    1- Sapo (oficialdejustica)

    2- Facebook (OficiaisJustiçaPortugal)

    3- Twitter (OfJustica)

    4- Blogs Portugal

    5- Reddit (OficialJustica)

    6- WhatsApp

    7- Assinantes por "e-mail"






    Para além das outras possibilidades de comunicação, se pretender comunicar por e-mail, use o endereço abaixo indicado:

    OJ@SAPO.PT

    .......................................................................................................................