Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Oficial de Justiça

Bem-vindo/a ao DIÁRIO DIGITAL DOS OFICIAIS DE JUSTIÇA DE PORTUGAL publicação periódica independente com 7 anos de publicações diárias especialmente dirigidas aos Oficiais de Justiça



oficialdejustica.blogs.sapo.pt
DIÁRIO DIGITAL DOS OFICIAIS DE JUSTIÇA DE PORTUGAL (DD-OJ)
As publicações desta página podem ser encontradas diariamente em diversas plataformas:
oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt

...............................................................................................................................
| | | - COVID-19
[1] - Compilação de Sugestões de Medidas de Proteção Práticas para Oficiais de Justiça
[2] - Consulte aqui os dados oficiais diários atualizados da DGS e infografias
[3] - Consulte também aqui, em primeira mão, as notícias que a agência Lusa fornece para a comunicação social, entretanto com acesso gratuito

...............................................................................................................................

Sábado, 06.04.19

Fernando Jorge não se Recandidata

      Um dos maiores acontecimentos no universo dos Oficiais de Justiça é, sem dúvida, um congresso do maior sindicato que os representa.

      O VIII Congresso Nacional ordinário do Sindicato dos Funcionários Judiciais (SFJ), está a decorrer desde a passada quinta-feira (04ABR), em Anadia, até domingo (07ABR).

      Num universo de quase de 8000 Oficiais de Justiça, o sindicato que refere deter cerca de 5000 sócios e organiza um congresso com cerca de 300 participantes de todo o país, faz deste acontecimento algo relevante e incontornável na vida dos Oficiais de Justiça, mesmo daqueles que não pertencem a este ou mesmo a nenhum sindicato.

      Este Congresso tem também como título: "Os desafios para o judiciário num mundo em mudança" e com tal título indica-se que o mundo muda, tudo muda realmente, exceto a petrificada carreira dos Oficiais de Justiça.

      Os 300 congressistas de todo o país têm a seguinte ordem de trabalhos:

            .1. Aprovação do regimento do VII Congresso,
            .2. Balanço da Atividade,
            .3. Discussão e aprovação das alterações aos estatutos do SFJ,
            .4. Definição da estratégia político-sindical e
            .5. Eleição dos membros para o Conselho Nacional.

      Este que é o último congresso em que o presidente do SFJ, Fernando Jorge, participa, uma vez que anunciou que não se recandidatará àquele cargo, surge num momento em que as negociações sobre o Estatuto dos Oficiais de Justiça foi abruptamente interrompida e diferida para a próxima legislatura, enquanto avançam com vento a favor os demais novos estatutos dos demais profissionais do judiciário.

      Mundo em mudança em período conturbado em que os Oficiais de Justiça acabam de encetar as greves e as lutas mais inéditas e mais longas de que há memória, sem que nada conseguissem, perante um Governo com constantes posturas demagógicas a fazer de conta que negoceia. E não só fez de conta que negociava um novo estatuto como fez de conta que negociava o modo de recuperação do tempo de serviço congelado, assim também fazendo de conta que governa.

      Fazer de conta é algo que também acontece no mundo virtual, por isso, parece oportuno o tema da conferência escolhida para este sábado (06ABR), pelas 15H30, que o SFJ preparou para integrar este congresso, o tema é "Desafios da inteligência artificial na prática judiciária".

      A prática judiciária e a inteligência artificial está para o mundo como os Oficiais de Justiça estão para a bomba inteligente que o SFJ, em tempos, ameaçou lançar.

      De momento, a notícia relevante, até anunciada no noticiário da SIC da hora de almoço de ontem, é a de que Fernando Jorge não se recandidata ao cargo de presidente do SFJ.

      Esta decisão é uma decisão muito relevante e corajosa deste histórico presidente do SFJ que vai ao encontro daquilo que há muito é reclamado pelos Oficiais de Justiça que consiste na necessidade de renovação dos dirigentes deste sindicato.

      Fernando Jorge foi um excelente dirigente sindical mas a necessidade de renovação é imperiosa. Quando a secretária de Estado Adjunta e da Justiça, Helena Mesquita Ribeiro, também convidada e presente neste Congresso, diz de Fernando Jorge que é “um sindicalista de alto gabarito” e que é ainda um sindicalista “consciente dos problemas da sua classe profissional e que, embora seja às vezes um bocadinho vinagrento na maneira como expõe as suas pretensões, nos momentos certos sabe distinguir o trigo do joio”, dá uma boa imagem do estado a que se chegou.

      Estas declarações da secretária de Estado estão reproduzidas e apreciadas no artigo aqui publicado há cerca de um ano, a 15-04-2018, no artigo intitulado: “Quem sabe distinguir o trigo do joio, quem é?

      Assim, a decisão de Fernando Jorge em não se recandidatar é uma excelente notícia, por permitir e induzir a natural e muito necessária renovação mas também é uma má notícia porque, afinal, Fernando Jorge foi um bom animal sindical.

SFJ-FernandoJorge.jpg

por: GF
oficialdejustica.blogs.sapo.pt

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 08:06


17 comentários

De Durval Lopes a 06.04.2019 às 09:05

Um bom animal sindical ?

De Anónimo a 06.04.2019 às 12:28

Um bom cordeirinho sindical!

De Anónimo a 06.04.2019 às 10:52

ontem era tarde

De Anónimo a 06.04.2019 às 11:13

Já era tarde, se alguns dos que estão na profissão só porque queriam emprego fossem escolher outra!
Com um concurso com todas as fases por que passam p.ex. os futuros agentes da PJ, estariam fora. Venha é outra forma de admissão com mais rigor, para poder também ser exigido mais.

De Anónimo a 06.04.2019 às 16:05

Boa dica colega.
Já verificou como entraram para os Tribunais a maioria dos Funcionários que hoje possuem lugares de administração e chefia?
Esses a que me refiro entram sem provas nem concurso. Foi tipo deferimento tácito.
Pediam num Tribunal uma certidão onde voluntáriamente estagiaram e pronto.

De Anónimo a 07.04.2019 às 23:52

Boa Noite,
Não se esqueça que o actual 1º Ministro, enquanto ministro da justiça propiciou e patrocinou altas cerimónias aquando da entrad de estagiários e tomadas de posse de futuros Oficiais de Justiça.
Vicios antigos.
Os Culpados são sempre outros.
Dê uma vista de olhos à Portaria que atribuí os famosos 5% aos funcionários da Finanças e á resolução do Concelhos de Ministros que pretende criar um Fundo igual para os funcionários da Seg. Social, só o maior viveiro de "Jobs for de Boys".
Há anónimos a mais.
Cumprimentos,
João Nabais

De Ph a 06.04.2019 às 11:56

Adeus, GCTP! Olá, CGTP!

Estão mesmo à espera de renovação? 😂

De Anónimo a 06.04.2019 às 12:34

Carlos Almeida do soj tem sido muito mais acertivo no diagnóstico mas falta-lhe ação.
Não basta denunciar é necessário agir.

De Anónimo a 06.04.2019 às 12:59

A senhora ministra da justiça, a senhora secretária de estado e o senhor diretor geral já têm garantido um novo estatuto porque também eles são magistrados.
Os senhores oficiais de justiça que tenham paciência, não chega para todos, a actual situação financeira do pais ainda não permite agradar a todos e se se portarem bem, talvez na próxima legislatura vão ter uma revisão dos estatutos.
Os recursos financeiros do país são escassos e há que definir prioridades, primeiro nós!
Estejam sempre disponíveis que não nos esquecemos de vos elogiar em cerimónias públicas.

De Anónimo a 08.04.2019 às 00:03

Boa Noite,
Muito haveria para comentar.
Se as condições de igualdade fossem as mesmas.
Faca/queijo - Queijo/faca.
Nunca peças a quem pediu, nunca…. .

Exercitem a mente.
João Nabais

De Anónimo a 06.04.2019 às 19:21

Este congresso do sfj transformou-se numa passerelle.
O governo é administração apresentam os seus vestidos, digo os seus projectos e os oficiais de justiça aplaudem.
Balcão + apenas com o logótipo, sem balcão, e os oficiais de justiça aplaudem!
A propaganda em ano eleitoral é uma arma muito forte que consegue anestesiar até as mentes de gente descontente.
Um congresso que supostamente seria um lugar de debate e de análise da classe dos oficiais de justiça, transformou-se num local de campanha eleitoral.
Até neste fórum, mais uma vez temos que esperar.
Primeiro eles é nós aplaudidos e assim vai a nossa vidinha!

De Anónimo a 06.04.2019 às 20:13

"...Fernando Jorge foi um excelente dirigente sindical..." escreveu V. e bem. No passado é que não, porque ele É hoje e agora um excelente sindicalista.
Muito foi conseguido ao longo dos anos e só não reconhece o trabalho do SFJ quem acedeu à profissão nos tempos mais recentes.Foram muitos anos de luta e quero lá saber se é CGTP ou UGT, interessa é trabalho feito.
Há gente que não sabe, nem nada quer saber, da história das instituições, das organizações, ou seja, do País.Anda neste mundo por ver andar os outros e reconhecimento é coisa que não faz parte do seu ser, porque também não lê nem se informa sobre factos concretos.
Se aqueles que fazem o seu trabalho em prol dos outros, estiverem à espera de algo em troca, perdem o tempo.
Para muitos, é mais fácil realçar as coisas menos boas e esquecer o que de bom foi feito.E há aqueles do "quanto pior, melhor", porque não estão bem com eles próprios, são uns "zangados" permanentes!
Ao Fernando Jorge será feita Justiça no futuro, porque " os cães ladram, a caravana passa".
A alguns servirá a carapuça...

De Anónimo a 06.04.2019 às 21:25

Muito foi conseguido ao longo destes anos!?!..
Aposentação dos oficiais de justiça dos 55 anos de idade passou para os 66 anos e 4 meses.
Promoções e progressão na carreira é o que se tem visto.
A única carreira da administração com disponibilidade permanente, sem qualquer compensação nem banco de horas é a dos oficiais de justiça.
Os oficiais de justiça abandonam a carreira para ingressar no ministério das finanças.
A proteção na saúde é o que se vê.
Muito foi conseguido ao longo dos anos!?...
Quanto aos cães, são animais muito nobres e fiéis e apenas ladram quando não reconhecem a caravana.

De Anónimo a 06.04.2019 às 21:45

Inteligente. Muito inteligente.
Parabéns sinceros pelo discernimento.

De Anónimo a 06.04.2019 às 22:02

Bem,,,, por este andar os muitos funcionários de justiça, mestres e doutorados em direito, estão a um passo de atingirem a graduação para cons[c]elheirosno STJ ou no STA.
A ordem aponta para aí.
A revisão do Estatuto de ambas as Magistraturas se não acautelar essa previsibilidade, nunca se sabe.
Em período revolucionário, o major Ramalho Eanes, assim chegou a General, ultrapassando os postos de tenente-coronel, coronel e brigadeiro.
Cuidado... cuidadinho que a ração [o resto todos conhecem].

De Anónimo a 07.04.2019 às 00:02

O modelo Venezuelano em Portugal, faz tempo.
Está tudo em desordem total neste reinado podre. Apenas o voto pode contrariar o que vem acontecendo neste país e abrir novos horizontes.
Venham eleições.


De Anónimo a 07.04.2019 às 23:39

Boa Noite,
(Declaração de interesses: Não sou sindicalizado)
Neste fim de semana em que parece que alguns os Oficiais de Justiça ficaram órfãos de uma figura sindical, o Sr. F.J, que, eu, com 25 anos de serviço nunca conheci a trabalhar, importa relatar a existência de um rumor que há uns anos circulou nalguns círculos, ligados aos oficiais de justiça, que nunca foram desmentidos, e que agora, em face do impasse em que a nossa carreira se encontra, começam a fazer sentido.
Passo a explicar:
Aquando da famosa greve de 5 dias, que eu fiz, por convicção, muitos festejaram os conseguidos, e famosos, 10% de suplemento de acréscimo sobre o vencimento, que agora, quando dá jeito a quem manda, serve para tudo justificar, consta que o representante da maioria dos Oficiais de Justiça, o Sr. F.J., teria assinado um memorando que em troca dos famosos 10%, e 15 minutos de fama, à custa de 5 dias de greve dos Oficiais de Justiças, prescindia de reinvindicar a baixa da idade da aposentação dos Oficiais de Justiça.
Interessante para a questão é saber quem eram na altura os actores que assinaram ou poderiam ter assinado o tal memorando: Por parte dos Oficiais de Justiça: O sempre e omnipresente Sr. Fernando Jorge, do outro lado o incontestável optimista, o Ministro da Justiça à época o Dr. António Costa, actual 1º ministro.
Não sei se será inteiramente verdade, mas que faz sentido faz.
Bem Hajam pela paciência.
No mais quando tiverem problemas, procurem pelos funcionários das finanças,(vg. FET) e pelos da Seg. Social,( vg. Novo FET para SS).
Nos intervalos descansem, e um bocadinho de estudo; “as alterações são tantas”.

No entanto, e permitam-me que deixe aqui um lamento, com tantos anónimos isto não vai a bom porto.
Saudações.
João Nabais

Comentar Artigo



BandeiraPT oficialdejustica.blogs.sapo.pt
.................................................. INICIATIVAS COMPLEMENTARES:
..................................................
MEDIDAS e Sugestões de Proteção Prática para Oficiais de Justiça
Veja a compilação de sugestões recebidas até ao momento e envie o seu contributo para o e-mail:
OJ@sapo.pt
Consulte a lista aqui

..................................................
PERMUTAS para Oficiais de Justiça (Lista de Permutas)
Veja os pedidos existentes e envie os seus para o e-mail dedicado:
PermutasOJ@sapo.pt
Consulte a lista aqui

saiba+aqui
..................................................
Legislação e Publicações Relevantes - Lista com seleção diária de legislação e outras publicações relevantes em Diário da República e noutras fontes.
Consulte a lista aqui
saiba+aqui

..................................................
Lista de Alojamentos
Anúncios de Procura e de Oferta de alojamentos para Oficiais de Justiça. Contacte pelo e-mail dedicado:
ProcuraAlojamento@sapo.pt
Consulte a lista aqui

saiba+aqui
..................................................
Grupo WhatsApp para Oficiais de Justiça
A comunicação direta de, para e com todos. Saiba+Aqui

..................................................
Lista de Anúncios para Partilha de Carro
Boleias e partilhas de lugares nos carros, sejam diárias, aos fins-de-semana, para férias ou ocasionais, anuncie a disponibilidade e contacte pelo e-mail dedicado:
PartilhaDeCarro@sapo.pt
Consulte a lista aqui

saiba+aqui
..................................................
Estatuto dos Oficiais de Justiça EOJ - Para assuntos relacionados com o Estatuto em apreciação use o e-mail dedicado:
Estatuto-EOJ@sapo.pt

veja+aqui
..................................................
Histórias de Oficiais de Justiça (Compilação)
Envie histórias, peripécias, sustos, etc. para o e-mail dedicado:
HistoriasDeOficiaisDeJustica@sapo.pt

saiba+aqui

..................................................
Acordos & Descontos para Todos - Lista de descontos para Oficiais de Justiça oferecidos por empresas privadas.
Consulte a lista aqui
saiba+aqui

..................................................
Endereço Geral da página - Para assuntos diversos, use o endereço de e-mail geral:
OJ@Sapo.Pt

..................................................
Veja por aqui + informação sobre o Perfil / Autoria da página
+
Veja também por aqui o Estatuto Editorial e a Direção desta publicação
..................................................
Dúvidas sobre a Justiça?
Ligue para a Linha Justiça
(MJ) (chamada gratuita):
800 910 220
(das 9h às 19h nos dias úteis)
saiba+aqui e veja também o portal da Justiça em justiça.gov.pt
..................................................
Linha de Emergência Social:
Apoio da Segurança Social e do Ministério da Justiça:
144 (Linha Gratuita 24 h)
saiba+aqui
Linha da Segurança Social:
300 502 502 (das 09h às 18h)
..................................................
Outras Linhas de Apoio:
808 24 24 24 - SNS 24 / Saúde 24
(custo de chamada local)
800 209 899 - SOS Voz Amiga
(das 16h às 24h) (gratuita)
808 237 327 - Conversa Amiga
(das 15h às 22h) (gratuita)
239 484 020 - SOS Estudante
(das 20h à 1h)
222 080 707 - Telf. Esperança
(das 20h às 23h)
800 990 100 - SOS Pessoa Idosa
(das 10h às 17h) (gratuita)
..................................................

Meteorologia

Porto
Lisboa
Faro

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Abril 2019

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D

Para Contactar:

Para mensagens breves pode usar a caixa de mensagens abaixo (mensagens instantâneas) ou usar o endereço geral de e-mail: oj@sapo.pt para mensagens maiores, com imagens ou anexos ou se quiser uma resposta.

Mensagens Instantâneas

Na caixa de mensagens abaixo pode enviar qualquer tipo de mensagem de forma simples e rápida. Basta escrever, carregar no botão "Enviar" e já está. Estas mensagens são anónimas, não são públicas nem são publicadas. Como as mensagens são anónimas se quiser resposta indique o seu e-mail.

Mensagens

Subscrever para receber e-mail

Pode receber no seu e-mail cada artigo aqui publicado, para isso basta indicar o seu e-mail e depois ir lá confirmar a subscrição na mensagem que lhe será enviada. Simples, automático e recebendo cada artigo logo que publicado. .................................................

Escreva abaixo o seu endereço de e-mail:

Não esqueça ir depois ao seu e-mail confirmar a subscrição (se ocorrer avaria comunique).


Comentários

Pode comentar cada artigo e responder a comentários já existentes. Os comentários podem ser anónimos ou identificados e o conteúdo não é previamente (mas posteriormente) verificado.
Para comentar os artigos selecione "Comentar".
Os comentários são públicos. Para mensagens privadas use a caixa de mensagens ou o e-mail.
Os comentários ou respostas colocados pela administração da página surgem identificados como "oficialdejustica" e clicando no nome acede ao perfil da página. Não se identifique com nomes e de forma igual ou parecida com a referida designação.
Os comentários e as críticas não devem atingir pessoas mas apenas ideias. A discussão deve ser saudável, construtiva e digna. Serão eliminados os comentários que se julguem inadequados.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Estou chocada com este artigo. Como funcionários p...

  • Anónimo

    bom dia,este ano vai abrir concurso público?

  • Anónimo

    Será que o Senhor Secretario de Estado já convocou...

  • Manuela Rodrigues

    Não entendo o porquê de tanto alarido, sai quando ...

  • oficialdejustica

    Resposta ao Comentário Anónimo de 25-05-2020 às 13...

  • oficialdejustica

    Na quarta não foi este que aqui está em causa.

  • oficialdejustica

    Pois foi promulgado e só hoje. Ainda bem que veio ...

  • Anónimo

    Foi promulgado hoje. Siga o seu conselho - informe...

  • Anónimo

    "o Ministério da Justiça deveria fornecer máscaras...

  • Anónimo

    Ja foi promulgada na quarta feira. Informe-se melh...

  • Anónimo

    "Ley Orgánica 19/2003, de 23 de diciembre - reform...

  • Anónimo

    "El Tribunal Superior de Xustiza de Galicia acogió...

  • Anónimo

    O que foi aprovado foi uma proposta de lei, que se...

  • Anónimo

    Tenho 3 cheques das finanças perdidos referentes a...

  • Anónimo

    É um sindicato morto, o seu staff pestaneja muito,...

  • Anónimo

    Sindicalismo "do silêncio"!Um comunicado silencios...

  • Anónimo

    sfj, de mal a pior...

  • Anónimo

    Aquando da revisão dos Estatutos das Magistraturas...

  • Anónimo

    concomitantemente, chegou a comentar-se nos OCS um...

  • Anónimo

    Este prémio em bom rigor foi criado para estancar ...

  • Anónimo

    Premios Segurança Social - O prémio de desempenho...

  • Anónimo

    Que esta iniciativa/projeto, que é o blog, não se ...

  • Anónimo

    Concordo com a pergunta e o sentido da mesma. Já ...

  • Anónimo

    Uma pergunta:quem já for escrivão ou técnico de ju...

  • Anónimo

    E o facto de ser detentor desses cursos é sinónimo...




oficialdejustica.blogs.sapo.pt

Ligações

Ligações de INTERESSE:

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  •  
  • Ligações a LEGISLAÇÃO

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  • Em alguns casos, pode não ver todo o documento mas só a primeira página. Baixe o documento para o ver e ficar com ele na totalidade.

  •  
  • _______________________

  •  
  • Ligações a DOCUMENTOS

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  •  
  • Ligações dos TRIBUNAIS

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  •  
  • POR e PARA Oficiais de Justiça

  •  
  •  
  • ________________________


    Onde encontrar o Ofici@l de Justiç@?

    Os artigos aqui publicados são distribuídos por e-mail a quem os subscrever e são ainda publicados no Facebook, no Twitter, no "Blogs Portugal", no "Reddit" e no WhatsApp, ou seja, em 7 plataformas diferentes:

    1- Sapo (oficialdejustica)

    2- Facebook (OficiaisJustiçaPortugal)

    3- Twitter (OfJustica)

    4- Blogs Portugal

    5- Reddit (OficialJustica)

    6- WhatsApp

    7- Assinantes por "e-mail"






    Para além das outras possibilidades de comunicação, se pretender comunicar por e-mail, use o endereço abaixo indicado:

    OJ@SAPO.PT

    .......................................................................................................................