Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Oficial de Justiça

Bem-vindo/a ao DIÁRIO DIGITAL DOS OFICIAIS DE JUSTIÇA DE PORTUGAL publicação periódica independente com 7 anos de publicações diárias especialmente dirigidas aos Oficiais de Justiça



oficialdejustica.blogs.sapo.pt
DIÁRIO DIGITAL DOS OFICIAIS DE JUSTIÇA DE PORTUGAL (DD-OJ)
As publicações desta página podem ser encontradas diariamente em diversas plataformas:
oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt

...............................................................................................................................
| | | - COVID-19
[1] - Compilação de Sugestões de Medidas de Proteção Práticas para Oficiais de Justiça
[2] - Consulte aqui os dados oficiais diários atualizados da DGS e infografias
[3] - Consulte também aqui, em primeira mão, as notícias que a agência Lusa fornece para a comunicação social, entretanto com acesso gratuito

...............................................................................................................................

Quarta-feira, 25.09.19

Há promoções e promoções

      O Ministério das Finanças deferiu esta semana o pedido feito pela Defesa em julho passado para a promoção de militares. Assim, subirão de categoria 4945 militares dos três ramos das Forças Armadas.

      Em dezembro de 2018 já tinham sido promovidos 6830 militares.

      Em menos de um ano contam-se 11775 promoções autorizadas pelas Finanças.

      No mesmo período, para os Oficiais de Justiça, contam-se: 240 promoções.

      Para além destes surpreendentes dados numéricos, convém registar ainda que o pedido da Defesa às Finanças foi feito em julho e já está satisfeito.

      Perante isto, é natural que se pergunte: quem faz os pedidos no Ministério da Justiça; qual é a sequência, a corrente, dos pedidos até ao pedido final às Finanças? Quando é que os pedidos são efetuados?

      Como sabemos, este ano, até foi conhecido com bastante antecedência que haveria promoções no Movimento Ordinário deste ano mas noutros anos, como se recorda, tal não ocorreu de forma atempada, tendo havido até uma vez notícia das promoções quando já estava encerrado o prazo para apresentação dos requerimentos de abril.

      Como sabemos, a explicação para os atrasos na divulgação das promoções ou o seu número restrito tem sido sempre apontada às Finanças mas, perante a rapidez e a quantidade que ora se constata para a Defesa, é natural que essas explicações sejam postas em causa ou, em alternativa, que tenha havido agora uma inversão radical na atuação das Finanças. Ora, tendo havido neste momento uma alteração na atuação das Finanças, será de todo o interesse realizar imediatamente, ainda hoje, porque não pôde ser ontem, um pedido para cobrir todas as faltas em todas as categorias, nos tribunais e nos serviços do Ministério Público, que não são sequer tantas como as anunciadas para as Forças Armadas.

      Tendo ainda em conta a premente necessidade de resolver estas faltas nos Oficiais de Justiça, nada impede que o pedido seja imediatamente realizado, com caráter de urgência para que se realize ainda este ano um Movimento Extraordinário para o efeito, porque não é necessário esperar até ao próximo ano para o Movimento Ordinário.

      As promoções que esta semana foram deferidas para as Forças Armadas – só as desta semana – correspondem a 19% do total de efetivos de todas as armas: Marinha, Exército e Força Aérea.

      As promoções deferidas aos Oficiais de Justiça em todo um ano correspondem a 3% e destinaram-se apenas a uma categoria e não a todas as categorias, isto é, não abrangeram todas as “armas”.

      O presidente da Associação Nacional de Sargentos das Forças Armadas, António Lima Coelho, comentou assim a notícia: “Para já, consideramos que a haver promoções, apenas pecam por tardias. Delas dependem o desenvolvimento das carreiras e orçamentos familiares dos militares”. Tendo ainda comentado que “Não deixa de ser curioso que se saiba deste anúncio a poucas semanas das eleições. Sabemos ler as coisas. Estas promoções são mais do que justas”, acrescentou.

      Note-se bem que estas 4945 promoções esta semana autorizadas vêm juntar-se às 6830 promoções permitidas em dezembro passado, nessa altura divididas por 3350 militares do Exército, 1750 da Força Aérea e 1730 da Marinha. A forma de divisão das promoções agora anunciadas não foi ainda divulgada.

SetasQuadroSobeDesce.jpg

      Fonte da notícia: “Observador”.

por: GF
oficialdejustica.blogs.sapo.pt

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 08:05


13 comentários

De Anónimo a 25.09.2019 às 10:38

A Lagarde veio dizer que ganhávamos demais. No primeiro ano da Troika, foi cacetada para 95% dos funcionários públicos. Depois, começaram as excepções. Uma aqui...uma ali e tal...
Até que chegámos às verdadeiras vítimas. Aos que pagaram e andam a pagar a boa vida que muitos levam, contribuindo com o seu salário para encher os cofres a bancos mafiosos e de gestores incompetentes. Refiro-e à maioria das carreiras especiais, aí se incluindo os Oficiais de Justiça. Mais de dez anos de cortes, congelamentos de carreiras, desrespeito pela classe a todos os níveis (incluindo uma certa autofagia, também).

De Anon a 25.09.2019 às 18:07

Os OJs ainda não devem ter percebido que o dinheiro do MJ não estica. E para pagar todos o vencimentos de magistrados e afins tem que se cortar em algum lado. Licenciatura de direito que é complicadíssimo, nem os médicos conseguiriam tirar, mesmo que fizessem de cruz um exame ao fim de dois anos. lol Um sindicato que prefere fazer corridas e festas mas não se preocupa que vem aí o SIADAP com COJ para manter os vencimentos destes.eheh

De Anónimo a 25.09.2019 às 22:39

CENAS de comédia, por detrás do pano de um coliseu qualquer que não o de Roma e nunca vistas em atividades lúdicas.

Um jurista, um advogado ou um mestre em direito não pode candidatar-se a lugar de ingresso na carreira de oficial de justiça, por não possuir a competente habilitação ao cargo.

Um escrivão auxiliar com 20 anos de serviço na mesma categoria, obtendo a mesma nota na prova de acesso à categoria de secretário de justiça, ultrapassa, segundo a fórmula prevista no artigo 41º do DL 343/99 (EFJ), um escrivão de direito, licenciado em direito, com 19 anos de serviço na categoria de escrivão de direito,

Sendo certo que;

O mesmo escrivão auxiliar, não reúne requisitos para concorrer ao cargo de escrivão de direito… Imagine-se!

Chega…. Chega... Chega... (porra).

Vão brincar com a QUINTA pata do cavalo.



De Anónimo a 25.09.2019 às 23:07

E eles andam aí, a brincar, perdão, dignificar a categoria de secretário de justiça. Desempenhos medíocres merecem avaliações medíocres, aguardemos.

De Anónimo a 26.09.2019 às 00:37

A medíocridade está representada em todo o lado e em todas as categorias. Nao sei em que tribunal está, mas teve azar. Pelo que sei, e conheço grande parte dos novos secretários, meia dúzia deles estão a continuar o bom trabalho de quem estava em substituicao, mas as outras dezenas estão simplesmente a limpar a desgraça que deixaram de herança: instalações em péssimo estado, pois nao se davam ao trabalho de abrir procedimentos aquisitivos, mesmo que houvesse verba orçamental, arquivos em estado deplorável, sem quaisquer eliminações ou incorporações, execução orçamental medíocre com atrasos em registos de faturas, gestão de contratos inexistente, péssimo enquadramento jurídico nas solucoes adoptadas em gestão de recursos humanos, etc etc. Ao contrário do que diz, o reconhecimento do mérito já existe, pois os resultados estão à vista. Haja capacidade de os reconhecer!

De Anónimo a 26.09.2019 às 01:23

Pois, pois.. estamos em plena época de vindimas, não é?
Se ler os despachos de delegação de competências publicados em DR, (já leu algum ?), notará que a gestão dos recursos humanos é função exclusiva dos Senhores Administradores.
A celebração dos contratos é da competência da DGAJ.
Instalações em péssimo estado. Sim, essas vão continuar por largos anos e nem os Senhores Juízes Presidentes têm conseguido inverter a situação,aliás, recentemente denunciada públicamente. (leu os relatórios?)
Força!!!, vá continuando a vindimar e votos de boa colheita, mas por favor, não acrescente muita água.

De Anónimo a 26.09.2019 às 08:16

Nao acrescento porque você já meteu água suficiente! Considerando que está a fazer uma apreciacao generalizada, não acertou uma! Nao distingue a celebração de um contrato centralizado, da sua gestao posterior, competência dos AJ e secretários. Desconhece a existencia de procedimentos de aquisicao feitos por cada comarca; Fala em competencias de A B C, sem saber que tipo de delegacao há em cada comarca. Enfim..😴. Bem, mas deixe se ficar assim na ignorancia, porque aquilo só dá dores de cabeça!

De Anónimo a 26.09.2019 às 16:07

Sr.Anónimo das 08-16 de hoje: provou que na verdade a ignorância é muito atrevida!
Pois que dizer de alguém que se diz oficial de justiça e quer criticar de forma destrutiva, mas mostra que não tem bases para tal, dado desconhecer o conteúdo funcional dos profissionais ao seu lado.
Que formação tem para desempenhar aí funções se nāo conhece o seu estatuto profissional?
Um de muitos outros exemplos de "erro de casting".
Mais cuidado na seleçāo de pessoas para tais lugares, o cidadão pagante exige!

De Anónimo a 27.09.2019 às 08:11

A ignorância é sua pois a sua pala não o deixa ver para além da sua comarca, desconhecendo o que se passa noutros lugares, o que, para bem dos serviços, não corresponde ao que lhe permitem ver no dia à dia. Por isso tenha é respeito, faça o seu trabalho, que a organização em que estou envolvido funciona bem, com recursos devidamente optimizados, e com resultados comprovados e reconhecidos.

De Anónimo a 30.09.2019 às 22:19

Boa noite colegas.
Gostaria que me informassem se convosco também acontece esperar prazo indeterminado até que a ADSE decida reembolsar o beneficiário da comparticipação de um ato médico.
Submeti em meados de Maio, através da ADSE direta (na loja do cidadão) uma Fatura de ato médico, acompanhada de toda a documentação legal, para comparticipação € 1.200,00.
Acontece que estamos no início de Outubro e a única informação que possuo, recebida por mail, é a de que a despesa foi recebida na ADSE em 27 de Julho.
Volvidos mais de 4 meses, ainda não fui reembolsado da despesa.
Tive que pagar no ato, a totalidade da despesa médica com recurso a crédito bancário, com juros inerentes.
O valor da comparticipação faz-me muita falta.
Que posso fazer?
Gostava que me ajudassem.


De oficialdejustica a 30.09.2019 às 23:15

Há relatos de beneficiários com atrasos de 6 meses. A própria ADSE admite atrasos embora não especifique tantos meses.
Que fazer? Normalmente esperar e com muita paciência, embora não seja descabido expor a sua situação, expondo a necessidade e a urgência.

De Anónimo a 01.10.2019 às 10:21

Está a acontecer com outros beneficiários.
Em caso concreto, o ato médico ocorreu em abril, na mesma semana foi submetido e o reembolso de "apenas" 16€ ocorreu em agosto.

De Anónimo a 26.09.2019 às 16:09

A resposta era para o anónimo da madrugada e não para quem responde às 08-16.

Comentar Artigo



BandeiraPT oficialdejustica.blogs.sapo.pt
.................................................. INICIATIVAS COMPLEMENTARES:
..................................................
MEDIDAS e Sugestões de Proteção Prática para Oficiais de Justiça
Veja a compilação de sugestões recebidas até ao momento e envie o seu contributo para o e-mail:
OJ@sapo.pt
Consulte a lista aqui

..................................................
PERMUTAS para Oficiais de Justiça (Lista de Permutas)
Veja os pedidos existentes e envie os seus para o e-mail dedicado:
PermutasOJ@sapo.pt
Consulte a lista aqui

saiba+aqui
..................................................
Legislação e Publicações Relevantes - Lista com seleção diária de legislação e outras publicações relevantes em Diário da República e noutras fontes.
Consulte a lista aqui
saiba+aqui

..................................................
Lista de Alojamentos
Anúncios de Procura e de Oferta de alojamentos para Oficiais de Justiça. Contacte pelo e-mail dedicado:
ProcuraAlojamento@sapo.pt
Consulte a lista aqui

saiba+aqui
..................................................
Grupo WhatsApp para Oficiais de Justiça
A comunicação direta de, para e com todos. Saiba+Aqui

..................................................
Lista de Anúncios para Partilha de Carro
Boleias e partilhas de lugares nos carros, sejam diárias, aos fins-de-semana, para férias ou ocasionais, anuncie a disponibilidade e contacte pelo e-mail dedicado:
PartilhaDeCarro@sapo.pt
Consulte a lista aqui

saiba+aqui
..................................................
Estatuto dos Oficiais de Justiça EOJ - Para assuntos relacionados com o Estatuto em apreciação use o e-mail dedicado:
Estatuto-EOJ@sapo.pt

veja+aqui
..................................................
Histórias de Oficiais de Justiça (Compilação)
Envie histórias, peripécias, sustos, etc. para o e-mail dedicado:
HistoriasDeOficiaisDeJustica@sapo.pt

saiba+aqui

..................................................
Acordos & Descontos para Todos - Lista de descontos para Oficiais de Justiça oferecidos por empresas privadas.
Consulte a lista aqui
saiba+aqui

..................................................
Endereço Geral da página - Para assuntos diversos, use o endereço de e-mail geral:
OJ@Sapo.Pt

..................................................
Veja por aqui + informação sobre o Perfil / Autoria da página
+
Veja também por aqui o Estatuto Editorial e a Direção desta publicação
..................................................
Dúvidas sobre a Justiça?
Ligue para a Linha Justiça
(MJ) (chamada gratuita):
800 910 220
(das 9h às 19h nos dias úteis)
saiba+aqui e veja também o portal da Justiça em justiça.gov.pt
..................................................
Linha de Emergência Social:
Apoio da Segurança Social e do Ministério da Justiça:
144 (Linha Gratuita 24 h)
saiba+aqui
Linha da Segurança Social:
300 502 502 (das 09h às 18h)
..................................................
Outras Linhas de Apoio:
808 24 24 24 - SNS 24 / Saúde 24
(custo de chamada local)
800 209 899 - SOS Voz Amiga
(das 16h às 24h) (gratuita)
808 237 327 - Conversa Amiga
(das 15h às 22h) (gratuita)
239 484 020 - SOS Estudante
(das 20h à 1h)
222 080 707 - Telf. Esperança
(das 20h às 23h)
800 990 100 - SOS Pessoa Idosa
(das 10h às 17h) (gratuita)
..................................................

Meteorologia

Porto
Lisboa
Faro

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Setembro 2019

D S T Q Q S S
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D

Para Contactar:

Para mensagens breves pode usar a caixa de mensagens abaixo (mensagens instantâneas) ou usar o endereço geral de e-mail: oj@sapo.pt para mensagens maiores, com imagens ou anexos ou se quiser uma resposta.

Mensagens Instantâneas

Na caixa de mensagens abaixo pode enviar qualquer tipo de mensagem de forma simples e rápida. Basta escrever, carregar no botão "Enviar" e já está. Estas mensagens são anónimas, não são públicas nem são publicadas. Como as mensagens são anónimas se quiser resposta indique o seu e-mail.

Mensagens

Subscrever para receber e-mail

Pode receber no seu e-mail cada artigo aqui publicado, para isso basta indicar o seu e-mail e depois ir lá confirmar a subscrição na mensagem que lhe será enviada. Simples, automático e recebendo cada artigo logo que publicado. .................................................

Escreva abaixo o seu endereço de e-mail:

Não esqueça ir depois ao seu e-mail confirmar a subscrição (se ocorrer avaria comunique).


Comentários

Pode comentar cada artigo e responder a comentários já existentes. Os comentários podem ser anónimos ou identificados e o conteúdo não é previamente (mas posteriormente) verificado.
Para comentar os artigos selecione "Comentar".
Os comentários são públicos. Para mensagens privadas use a caixa de mensagens ou o e-mail.
Os comentários ou respostas colocados pela administração da página surgem identificados como "oficialdejustica" e clicando no nome acede ao perfil da página. Não se identifique com nomes e de forma igual ou parecida com a referida designação.
Os comentários e as críticas não devem atingir pessoas mas apenas ideias. A discussão deve ser saudável, construtiva e digna. Serão eliminados os comentários que se julguem inadequados.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Pelo menos uma é uma autêntico obstáculo que numa ...

  • Anónimo

    O SFJ publicou hoje na sua página mais qualquer co...

  • Anónimo

    A título de exemplo, abandone-se a ideia arcaica d...

  • Anónimo

    Aqui se vê a divisão da carreira. Uma carreira da ...

  • Anónimo

    Mas será que com este conformismo e inércia dos Si...

  • Anónimo

    Parafraseando o que já por aqui li junto-me ao mov...

  • Anónimo

    Colega, nós, só por nós, nada podemos fazer. Os ho...

  • Anónimo

    Antes de mais e antes que venham dizer que devia e...

  • Anónimo

    Estamos a chegar a meio do mês de julho e ao perío...

  • Jota Man

    Continuam as galinhas no seu cacarejar na capoeira...

  • Anónimo

    Concordo com a apreciação.A uma posição forte da m...

  • Anónimo

    Administradores nos tribunais? Oh oh. Estão lá os ...

  • Anónimo

    Estão enviar e-mails, desde casa, porque nos Tri...

  • Anónimo

    Antigos colegas que exerceram durante o Estado Nov...

  • Anónimo

    Isso vai acontecer. É inevitável.Só espero que aco...

  • Anónimo

    Os contágios vão aumentar, uma vez que os Srs. Adm...

  • Anónimo

    «Quanto à questão do suplemento, nós tivemos, aliá...

  • Anónimo

    Nem mais, estou com as mesmas ideias.

  • Anónimo

    Venha lá a requalificação para assistente técnico....

  • Anónimo

    Lamento esta súbita e inesperada atitude do SOJ. A...

  • Anónimo

    Não vejo a hora!

  • Anónimo

    Colega, essa foi a postura que permitiu permanênci...

  • Anónimo

    Concordo!!! É um serviço pago!! Se uma empresa dep...

  • Anónimo

    Às 12:15 a fazer comentários, chega aqui o cheir...

  • Anónimo

    Espero sinceramente que o estatuto fique como está...




oficialdejustica.blogs.sapo.pt

Ligações

Ligações de INTERESSE:

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  •  
  • Ligações a LEGISLAÇÃO

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  • Em alguns casos, pode não ver todo o documento mas só a primeira página. Baixe o documento para o ver e ficar com ele na totalidade.

  •  
  • _______________________

  •  
  • Ligações a DOCUMENTOS

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  •  
  • Ligações dos TRIBUNAIS

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  •  
  • POR e PARA Oficiais de Justiça

  •  
  •  
  • ________________________


    Onde encontrar o Ofici@l de Justiç@?

    Os artigos aqui publicados são distribuídos por e-mail a quem os subscrever e são ainda publicados no Facebook, no Twitter, no "Blogs Portugal", no "Reddit" e no WhatsApp, ou seja, em 7 plataformas diferentes:

    1- Sapo (oficialdejustica)

    2- Facebook (OficiaisJustiçaPortugal)

    3- Twitter (OfJustica)

    4- Blogs Portugal

    5- Reddit (OficialJustica)

    6- WhatsApp

    7- Assinantes por "e-mail"






    Para além das outras possibilidades de comunicação, se pretender comunicar por e-mail, use o endereço abaixo indicado:

    OJ@SAPO.PT

    .......................................................................................................................