Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Oficial de Justiça

Bem-vindo/a ao DIÁRIO DIGITAL DOS OFICIAIS DE JUSTIÇA DE PORTUGAL publicação periódica independente com 8 anos de publicações diárias especialmente dirigidas aos Oficiais de Justiça



oficialdejustica.blogs.sapo.pt
DIÁRIO DIGITAL DOS OFICIAIS DE JUSTIÇA DE PORTUGAL (DD-OJ)
As publicações desta página podem ser encontradas diariamente em diversas plataformas:
oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt

...............................................................................................................................

...............................................................................................................................

Sábado, 12.06.21

Já há muito se sabia da projetada divisão da carreira

      O Sindicato dos Oficiais de Justiça (SOJ) fixou no cimo da sua página do Facebook uma publicação antiga, de 23 de novembro de 2018, na qual se pode ler o seguinte:

      «O SOJ postou, neste seu espaço, um artigo publicado num jornal diário, nacional. O artigo, escrito por jornalista, fala sobre a reunião ocorrida ontem.

      Menciona a jornalista, a determinada altura, que o presidente de um dos sindicatos mostra-se apreensivo e refere que “querem dividir a carreira…”. Por outro lado, afirma o presidente do outro sindicato que “não vê as coisas desse modo e que considera positiva a disponibilidade do Ministério da Justiça que irá permitir rever a tabela remuneratória de parte dos oficiais de justiça”

      Não se vislumbra que alguém tenha dito, no artigo, que algo era inverdade. O que se diz, no artigo, é que há uma outra perceção, e que, nesse sentido se perspetiva um “benefício” para parte dos Oficiais de Justiça.

      Ora, o SOJ não é um sindicato de partes, é um sindicato que só representa oficiais de justiça e entre esses, não há partes.

      Por outro lado, sugiram de imediato os comentários, que sempre surgem, para calar todos os demais. São sempre os mesmos e que reiteradamente andam pelas redes sociais em campanhas. Surgem agora com o discurso já gasto do “papão”: o SOJ está a querer dividir.

      Como é que se pode dividir quando se alerta uma classe, que está em luta, para o perigo de nos quererem dividir?

      Talvez seja tempo de sermos mais racionais. Quando uma classe está em luta, por norma, ao perceber que as coisas não se auguram positivas reforça a luta, cerra os punhos e não desiste. É isso que acontece por norma.

      Dizer que saímos apreensivos de uma reunião e que nos querem dividir é algo que só pode reforçar a luta… Coisa diferente seria dizer que está tudo bem, há boas perspetivas. Aí poderíamos de facto equacionar se vale a pena continuar a lutar. Mas não foi nada disto que o SOJ disse.

      Se alguém prefere criar uma manobra de diversão, para adormecer os colegas, então que procure outros espaços, pois neste espaço o que se procura é que os colegas possam pensar, analisar os factos de forma consciente…

      O SOJ reforça: o momento é de união, mas temos de saber o que queremos, estar conscientes do que nos pode surgir no caminho e não desistir de lutar. O resto são tretas. Sejamos sérios!»

      Esta publicação de 2018 acaba por ser muito atual e pode ser acedida diretamente através da seguinte hiperligação: “SOJ-Facebook”.

PuzzleChave.jpg

por: GF
oficialdejustica.blogs.sapo.pt

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 08:02


20 comentários

De Anónimo a 12.06.2021 às 09:29

"Já há muito se sabia da projetada divisão da carreira"

Portanto, não existiu qualquer incompetência sindical!

Milhares de euros mensais, perto de meio milhão, em quotas nos cofres sindicais para os patentes tão fonestos resultados para os Oficiais de Justiça.

E ao invés de, com a simplicidade de quem nada teme e fez o que sabia e pôde, colocarem as respectivas direções o seu lugar à disposição, entendem que o seu modelo não está gasto, arcaico e anacrónico e optam pela reincidência.

É legítimo, mas estranho e originará uma mudança de "360º".

De Anónimo a 12.06.2021 às 10:00

Mas temos que ser justos e coerentes.
Como é que pode criticar qualquer um dos sindicatos quando grande parte dos sindicalizados, por vezes a maioria, nao aderiu a qualquer iniciativa, salvo raras exceções?


De Anónimo a 12.06.2021 às 18:48

As resposta a esses idiotas do PS será dada nas urnas.

De Anónimo a 12.06.2021 às 09:56

Uma coisa é certa, a Senhora Ministra da Justiça escudou-se sempre com a vontade do sindicato mais representativo da classe.

Aposentação e integração no suplemento so em sede de revisão estatutária.

A oportunidade destas duas matérias terem sido discutidas e aprovadas o ano passado foi perdida.

E segundo a Ministra da Justiça tal só aconteceu porque o SFJ não estava disposto de tratar estas matérias em separado.

Queriam tudo ao mesmo tempo, temos uma mão cheia de nada!...

De Anónimo a 12.06.2021 às 10:11

Neste momento este país é uma autêntica província Angolana de corrupção e de incompetência, a diferencia é a cor de pele.

De Anónimo a 12.06.2021 às 11:56

https://peticaopublica.com/mobile/pview.aspx?pi=PT108942

De Anónimo a 12.06.2021 às 12:37

Chegou a altura de os dois sindicatos aparecerem juntos, apresentando uma única alternativa e proposta.
Formas de luta únicas e agressivas.
Caso não aconteça que vão ambos bugiar e desapareçam.

De Anónimo a 12.06.2021 às 12:53

Concordo, e é isso que os associados devem exigir, o resto não vale a pena gastar energias sobre quem fez ou propôs o quê. Está apresentado, agora é pensar daqui para a frente. Não podemos dar qualquer margem ou argumento á tutela, e para isso é preciso uma acção concertada, com o apoio de todos os associados. Ao menos que o plenário agendado sirva para alguma coisa... É preciso trabalho, muito trabalho e uma posição assertiva conjunta dos sindicatos. São só dois sindicatos, não será difícil chegar a um consenso.

De Anónimo a 12.06.2021 às 13:32

Não aceitaram o que havia na mesa, reivindicando novo estatuto?

Agora façam plenários para reivindicar a não aplicação do estatuto !!

Quem anda comprometido, pelos corredores do poder, não pode nem deve representar ninguém,.

A luta não se faz com sorrisos, simpatias e tainadas. Esse tipo de comportamento compromete quando há que dizer "NÃO".

E eis o resultado.

Simples.

De Anónimo a 12.06.2021 às 15:10

https://www.facebook.com/groups/oficiaisdejustica.portugal/permalink/4018722348183269/

De Anónimo a 12.06.2021 às 18:38

Só de pensar que podia ter ido para as Finanças ou para as conservatórias e vim para esta profissão de MERDA!!!

QUE ÓDIO QUE EU SINTO

De Anónimo a 12.06.2021 às 21:05

Sinto o mesmo. Agora é greve de zelo. Filhos da puta a irem ganhar 4500€ e 12 000€ mês e eu em 21 anos só subi de escalão 3 vezes. Sai do particular cuja empresa está em expansão há 20 anos para ir morrer pobre. Vejo magistrados a meterem o dinheiro da renda no bolso mais do que ganho do meu trabalho. País de merda que em 2022 você dizer CHEGA.

De Anónimo a 12.06.2021 às 21:25

Muito bem.

Eles fingem que pagam, nós fingimos que trabalhamos.

É este o caminho.

P. s.

Enquanto mulher, Oficial de Justiça, em sala de audiências vou passar a dar voz aos agora maiores apelos da minha bexiga.

E em secção, passarei a pensar mais no que escrevo e assino.

Só custa à primeira.

De Anónimo a 12.06.2021 às 23:01

Todas as profissões, por vezes, levam a sacrificios.

Mas ainda me lembro de uma colega que usava fralda para incontinentes com receio da represália da interrupção dos julgamentos e da descida da "nota".


E tão humanos que eram os elementos do coletivo!

Mesmo humanos.
Até riram e tudo quando se soube!
Mesmo empáticos!

De Anónimo a 14.06.2021 às 09:16

TRISTE VERDADE!

De Anónimo a 12.06.2021 às 21:10

"A morte da decência"!...

De Anónimo a 12.06.2021 às 21:16

Apesar de ser sindicalizado, a "luta" pelos direitos não se esgota na militância sindical.
Na verdade, por ação ou sobretudo omissão, pouco serve ou serviu vestir t-shirt pretas ou agitar bandeiras, quando, diariamente ou frequentemente pactuamos com as nomeações discricionárias e prolongamentos hadeeterno das comissões de serviço, que foram destruíndo a nossa carreira, que aos poucos foi sendo capturada por interesses pessoais e corporativismos.

O desagrado por tantas injustiças, muitas vezes roçando a ilegalidade, terá ou teria que ser diário, traduzindo-se na discordância nas palavras, reações e atos de frieza e indiferença perante os responsáveis, chefes, secretários, administrador ...

Por outro lado, há muito tempo que o ingresso na carreira deveria ser por via da licenciatura, mas infelizmente, por várias razões e sabe se lá por quê ... acabaram com o curso da Universidade de Aveiro.
A inveja, a mesquinhez, as vistas curtas de uns e os interesses particulares de outros tantos, acabou na situação a que estamos.
"Dividir para reinar" tem sido a política da tutela e Direção Geral.

No entanto, aqui chegados, a nossa união tem que ser mais forte do que nunca. Pôr isso vamos dar força aos dois nossos sindicatos, para reverter esta miserável proposta de revisão do nosso estatuto com as boas propostas que estavam, supostamente, em discussão.




De Anónimo a 12.06.2021 às 21:32

Mas não sejamos ingénuos.

Os Oficiais de Justiça são meros "peões de brega" nesta coisa pública.

Os jogadores põem e dispõem, abrem e fecham o jogo.

Comentar Artigo


Pág. 1/2



BandeiraPT oficialdejustica.blogs.sapo.pt
.................................................. INICIATIVAS COMPLEMENTARES:
..................................................
PERMUTAS para Oficiais de Justiça (Lista de Permutas)
Veja os pedidos existentes e envie os seus para o e-mail dedicado:
PermutasOJ@sapo.pt
Consulte a lista aqui

saiba+aqui
..................................................
Legislação e Publicações Relevantes - Lista com seleção diária de legislação e outras publicações relevantes em Diário da República e noutras fontes.
Consulte a lista aqui
saiba+aqui
..................................................
MEDIDAS e Sugestões de Proteção Prática para Oficiais de Justiça
Veja a compilação de sugestões recebidas até ao momento e envie o seu contributo para o e-mail:
OJ@sapo.pt
Consulte a lista aqui

..................................................
Lista de Alojamentos
Anúncios de Procura e de Oferta de alojamentos para Oficiais de Justiça. Contacte pelo e-mail dedicado:
ProcuraAlojamento@sapo.pt
Consulte a lista aqui

saiba+aqui
..................................................
Grupo WhatsApp para Oficiais de Justiça
A comunicação direta de, para e com todos.
Saiba+Aqui

..................................................
Lista de Anúncios para Partilha de Carro
Boleias e partilhas de lugares nos carros, sejam diárias, aos fins-de-semana, para férias ou ocasionais, anuncie a disponibilidade e contacte pelo e-mail dedicado:
PartilhaDeCarro@sapo.pt
Consulte a lista aqui

saiba+aqui
..................................................
Estatuto dos Oficiais de Justiça EOJ - Para assuntos relacionados com o Estatuto em apreciação use o e-mail dedicado:
Estatuto-EOJ@sapo.pt

veja+aqui
..................................................
Histórias de Oficiais de Justiça (Compilação)
Envie histórias, peripécias, sustos, etc. para o e-mail dedicado:
HistoriasDeOficiaisDeJustica@sapo.pt

saiba+aqui

..................................................
Acordos & Descontos para Todos - Lista de descontos para Oficiais de Justiça oferecidos por empresas privadas.
Consulte a lista aqui
saiba+aqui

..................................................

..................................................
Endereço Geral da página - Para assuntos diversos, use o endereço de e-mail geral:
OJ@Sapo.Pt

..................................................
Veja por aqui + informação sobre o Perfil / Autoria da página
+
Veja também por aqui o Estatuto Editorial e a Direção desta publicação
..................................................
Dúvidas sobre a Justiça?
Ligue para a Linha Justiça
(MJ) (chamada gratuita):
800 910 220
(das 9h às 19h nos dias úteis)
saiba+aqui e veja também o portal da Justiça em justiça.gov.pt
..................................................
Linha de Emergência Social:
Apoio da Segurança Social e do Ministério da Justiça:
144 (Linha Gratuita 24 h)
saiba+aqui
Linha da Segurança Social:
300 502 502 (das 09h às 18h)
..................................................
Outras Linhas de Apoio:
808 24 24 24 - SNS 24 / Saúde 24
(custo de chamada local)
800 209 899 - SOS Voz Amiga
(das 16h às 24h) (gratuita)
808 237 327 - Conversa Amiga
(das 15h às 22h) (gratuita)
239 484 020 - SOS Estudante
(das 20h à 1h)
222 080 707 - Telf. Esperança
(das 20h às 23h)
800 990 100 - SOS Pessoa Idosa
(das 10h às 17h) (gratuita)
..................................................

Meteorologia

Porto
Lisboa
Faro

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Junho 2021

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D

Para Contactar:

Para mensagens breves pode usar a caixa de mensagens abaixo (mensagens instantâneas) ou usar o endereço geral de e-mail: oj@sapo.pt para mensagens maiores, com imagens ou anexos ou se quiser uma resposta.

Mensagens Instantâneas

Na caixa de mensagens abaixo pode enviar qualquer tipo de mensagem de forma simples e rápida. Basta escrever, carregar no botão "Enviar" e já está. Estas mensagens são anónimas, não são públicas nem são publicadas. Como as mensagens são anónimas se quiser resposta indique o seu e-mail.

Mensagens

Comentários

Pode comentar cada artigo e responder a comentários já existentes. Os comentários podem ser anónimos ou identificados e o conteúdo não é previamente (mas posteriormente) verificado.
Para comentar os artigos selecione "Comentar".
Os comentários são públicos. Para mensagens privadas use a caixa de mensagens ou o e-mail.
Os comentários ou respostas colocados pela administração da página surgem identificados como "oficialdejustica" e clicando no nome acede ao perfil da página. Não se identifique com nomes e de forma igual ou parecida com a referida designação.
Os comentários e as críticas não devem atingir pessoas mas apenas ideias. A discussão deve ser saudável, construtiva e digna. Serão eliminados os comentários que se julguem inadequados.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Triste realidade. De que vale o esforço para notas...

  • Anónimo

    Só lhe faltou cumprir 17 de pena de prisão! Só.Ond...

  • Anónimo

    O dever de permanência extingue-se com o direito à...

  • Anónimo

    Era o que se esperava e no trilho dos restantes pa...

  • Anónimo

    SINDICATOS DIZEM QUE LUTAM POR PROMOÇÕES A ADJUNTO...

  • Anónimo

    SINDICATOS DIZEM QUE LUTAM POR PROMOÇÕES A ADJUNTO...

  • Anónimo

    O Ministério da Magistraturas.Promoções, movimento...

  • Anónimo

    Diario da Republica de hoje:Despacho n.º 7384/2021...

  • Anónimo

    Bons padrinhos também conta! e quem tenha jeito pa...

  • Anónimo

    pois é, no fim do mal acontecer se verá!

  • Anónimo

    O ex DDT não pode ir a Tribunal devido à covid.Foi...

  • Anónimo

    OSCAR, até sempre camarada...

  • Anónimo

    Controverso de facto! as FP25 de Abril talvez deve...

  • Anónimo

    Era bom que os oficiais de justiça representantes ...

  • Anónimo

    Correio da Kianda – Notícias de Angola POLITICAS...

  • Anónimo

    É por esta razão e pelo aumento desproporcional da...

  • Anónimo

    Com um parecer destes ninguém no Ministério da Jus...

  • Anónimo

    Meu caro, não faça inferências precipitadas e abus...

  • Anónimo

    Mais um Parecer arrasador!Só a teimosia, a polític...

  • Anónimo

    força sempre! contra a ilegalidade que nos governa...

  • Anónimo

    Muitas vezes tenho este pensamento inocente:porque...

  • Anónimo

    Sem dúvida, matéria assente!

  • Anónimo

    Penso eu de que, as ilegalidades cometidas pelo MJ...

  • Anónimo

    É simples, quem iniciou a contagem em 1.1.2008 dev...

  • Anónimo

    Eu sei é que enquanto Oficiais de Justiça é consta...




oficialdejustica.blogs.sapo.pt

Ligações

Ligações de INTERESSE:

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  •  
  • Ligações a LEGISLAÇÃO

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  • Em alguns casos, pode não ver todo o documento mas só a primeira página. Baixe o documento para o ver e ficar com ele na totalidade.

  •  
  • _______________________

  •  
  • Ligações a DOCUMENTOS

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  •  
  • Ligações dos TRIBUNAIS

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  •  
  • POR e PARA Oficiais de Justiça

  •  
  •  
  • ________________________


    Onde encontrar o Ofici@l de Justiç@?

    Os artigos aqui publicados são distribuídos por e-mail a quem os subscrever e são ainda publicados no Facebook, no Twitter, no "Blogs Portugal", no "Reddit" e no WhatsApp, ou seja, em 7 plataformas diferentes:

    1- Sapo (oficialdejustica)

    2- Facebook (OficiaisJustiçaPortugal)

    3- Twitter (OfJustica)

    4- Blogs Portugal

    5- Reddit (OficialJustica)

    6- WhatsApp

    7- Assinantes por "e-mail"





    Para além das outras possibilidades de comunicação, se pretender comunicar por e-mail, use o endereço abaixo indicado:

    OJ@SAPO.PT

    .......................................................................................................................