Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Oficial de Justiça

Esta página é uma iniciativa informativa DIÁRIA especialmente vocacionada para Oficiais de Justiça. De forma independente da administração da justiça e dos sindicatos, aqui se disponibiliza a informação relevante com um novo artigo todos os dias.



Pode ouvir por aqui rádio com música alternativa não massiva e sem publicidade
oficialdejustica.blogs.sapo.pt
FERIADOS MUNICIPAIS NESTA SEMANA:
- 19SET-Qua - Vila de Rei
- 21SET-Sex - Sever do Vouga, Soure e Viseu.
- 22SET-Sab - Sardoal
& pode ver + nos Calendários do Oficial de Justiça para 2018 e já para 2019

Oficial de Justiça Últimas Publicações:

Sábado, 02.06.18

O Sonolento Despertar do SFJ e a Nova Greve de 3 Dias

      Demorou, é certo, mas lá acabou por acordar. Mas acordou verdadeiramente?

      O Sindicato dos Funcionários Judiciais (SFJ) acaba de anunciar que os alegados compromissos do Ministério da Justiça não o são e, vejam só, acaba de anunciar uma greve de três dias (29JUN-Sexta + 02JUL-Segunda e 03JUL-Terça).

      Depois de propagandear por todo o país que a greve dos três dias do outro sindicato (SOJ) era inoportuna e ninguém deveria a ela aderir, eis que, embora tarde, vem agora dizer o mesmo que o SOJ disse e marcar os mesmos três dias de uma greve, também ela repartida por dois meses.

      Diz o povo que “mais vale tarde do que nunca” mas às vezes o tarde é já tão tardio que já ninguém sabe se vale mesmo pena uma vez que o prejuízo causado parece irremediável.

      Três dias de greve serão suficientes?

      O SFJ não pode copiar o SOJ desta maneira, porque agora a situação é completamente diferente.

      Vejamos: as negociações do estatuto são o que são, isto é, são nada; a atualização do suplemento a 10% do vencimento e com efeitos apenas a 2018, isto é, umas migalhas que se pediam, nada; as promoções prometidas para o movimento pendente, afinal já não existem… Para além de que o Governo já não quer saber nem de tabelas salariais, aposentação, avaliação, etc., prosseguindo apenas o seu objetivo enquanto faz de conta que negoceia.

      Perante esta realidade que agora é confirmada – e que se confirma apenas porque antes nunca houve uma manifestação forte com uma postura firme e determinada –, três dias de greve são suficientes?

      Se antes os três dias de greve tivessem tido a decência de ser acompanhados por todos, certamente que não estaríamos aqui, no entanto, o Governo sempre esteve sossegado por ter um sindicato, e logo maioritário, que não só não marcava greves como até se esforçava por desmotivar as greves dos outros. Ora, com um aliado destes, para quê preocupar-se em atender as reivindicações dos Oficiais de Justiça?

      Estes três dias de greve são manifestamente insuficientes. Neste momento, o que se impõe são, no mínimo – no mínimo mesmo – pelo menos 5 dias.

      É certo que o Sindicato dos Oficiais de Justiça (SOJ) não irá fazer a mesma figura que antes fez o SFJ desmotivando a adesão a esta greve marcada pelo SFJ. É certo que o SOJ irá, ao contrário do que o SFJ antes fez, irá acompanhar esta greve do SFJ mas poderia ir mais longe marcando mais os dois ou três dias em falta que o SFJ não se atreveu a marcar.

      No comunicado do SFJ, este Sindicato afirma que a greve é marcada perante a “desconsideração do Governo para com os Oficiais de Justiça” e, por isso, indica apenas os tais três dias.

      Mas a desconsideração não é uma mera desconsideração mas uma mega desconsideração. Note-se que tudo aquilo que havia sido anunciado como compromissos firmes que sustentavam a não realização da passada greve dos três dias, vem-se agora a confirmar – pelo SFJ, porque já quase toda a gente sabia – que os tais compromissos não o eram de facto, como o não são de facto, e não eram, afinal, nada de valor.

      Vem agora o SFJ dizer na sua informação que tem o “compromisso” de “defender intransigentemente os interesses da classe, de forma séria e sem demagogias”.

      E perguntam os Oficiais de Justiça assim:

      Intransigentemente os interesses da classe? Quando? Quando correram o país a desmotivar a realização da greve dos três dias do SOJ? De forma séria e sem demagogias? Quando? Quando apresentaram aos Oficiais de Justiça como válida a demagogia avançada pelo Ministério da Justiça, com os seus compromissos vazios?

      Recorde-se que não há nada, nem a porcaria de um par de euros de acerto no suplemento cuja relação de equivaler a 10% também foi congelado e não se descongela. Não, não se trata da integração do suplemento no vencimento, isso ainda é outra história mas muito mais velha, trata-se apenas de descongelar essa parte do vencimento que não foi descongelada.

      Recorde-se que o movimento anual que é realizado neste mês de junho não contemplará as promoções, promoções previstas na Lei do Orçamento de Estado para 2018 e também prometidas.

      Mas não é tudo, note-se ainda que das sucessivas reuniões de negociação do Estatuto apenas resultou a bandeira do grau 3, bandeira que seria moeda de troca para algo pior. Sucessivamente veio o SFJ anunciando como uma vitória o grau 3 e nada mais; reunião após reunião, alega que há questões que ficam para ver na reunião seguinte e assim sucessivamente se avança no vazio.

      Note-se que o Ministério da Justiça já entregou a sua tabela salarial ao Ministério das Finanças sem sequer querer saber nem precisar conhecer das tabelas propostas pelos sindicatos.

      Por tudo isto, e muito mais, deve o SFJ repensar os seus curtos três dias de greve, ampliando-os necessariamente, porque o momento exige uma postura muito mais firme; porque o momento exige um despertar verdadeiro e completo, sem qualquer sonolência.

      Os Oficiais de Justiça repudiarão esta greve por ser tão frágil e reivindicarão mais do que estes três dias, porque sabem que há que ter uma postura muito mais forte porque já caíram tanto e tão mal que não é com uma luta tão curta que se conseguirá inverter esta indigna situação.

      Se quiser, pode ver a informação sindical do SFJ acedendo-lhe através da seguinte hiperligação: “Info-SFJ-01JUN2018”.

Cara1.jpg

por: GF
oficialdejustica.blogs.sapo.pt

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 08:02


2 comentários

De Anónimo a 03.06.2018 às 12:57

Quem diz para fazer greve de 5 dias é porque não a vai fazer e que acham devem dizer aquelas pessoas que fizeram os 3 dias de greves quando foram marcadas pelo SOJ, perder mais dinheiro tenham vergonha SFJ. Agora eu não faço e espero que haja muitas pessoas a não fazer.

De Anónimo a 04.06.2018 às 12:13

Se o Senhor Fernando Jorge tivesse vergonha demitia-se. Depois de tanta defesa dos interesses dos associados, conseguiu uma mão cheia de nada. Enfim

Comentar Artigo



BandeiraPT oficialdejustica.blogs.sapo.pt .................................................. PERMUTAS para Oficiais de Justiça (Lista de Permutas)
Veja os pedidos existentes e envie os seus para o e-mail dedicado:
PermutasOJ@sapo.pt
Consulte a lista aqui

saiba+aqui
.................................................. Histórias de Oficiais de Justiça (Compilação)
Envie histórias, peripécias, sustos, etc. para o e-mail dedicado:
HistoriasDeOficiaisDeJustica@sapo.pt

saiba+aqui

..................................................
Estatuto dos Oficiais de Justiça EOJ - Para assuntos relacionados com o Estatuto em apreciação use o e-mail dedicado:
Estatuto-EOJ@sapo.pt

veja+aqui
..................................................
Endereço Geral da página - Para assuntos diversos, use o endereço de e-mail geral:
OJ@Sapo.Pt

..................................................
Dúvidas sobre a Justiça?
Ligue para a Linha Justiça
(MJ) (chamada gratuita):
800 910 220
(das 9h às 19h nos dias úteis)
saiba+aqui e veja também o portal da Justiça em justiça.gov.pt
..................................................
Linha de Emergência Social:
Apoio da Segurança Social e do Ministério da Justiça:
144 (Linha Gratuita 24 h)
saiba+aqui
Linha da Segurança Social:
300 502 502 (das 09h às 18h)
..................................................
Outras Linhas de Apoio:
800 209 899 - SOS Voz Amiga
(das 16h às 24h) (gratuita)
808 237 327 - Conversa Amiga
(das 15h às 22h) (gratuita)
239 484 020 - SOS Estudante
(das 20h à 1h)
222 080 707 - Telf. Esperança
(das 20h às 23h)
800 990 100 - SOS Pessoa Idosa
(das 10h às 17h) (gratuita)
..................................................

Meteorologia

Porto
Lisboa
Faro

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Junho 2018

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Para Contactar:

Para mensagens breves pode usar a caixa de mensagens abaixo (mensagens instantâneas) ou usar o endereço geral de e-mail: oj@sapo.pt para mensagens maiores, com imagens ou anexos ou se quiser uma resposta.

Mensagens Instantâneas

Na caixa de mensagens abaixo pode enviar qualquer tipo de mensagem de forma simples e rápida. Basta escrever, carregar no botão "Enviar" e já está. Estas mensagens são anónimas, não são públicas nem são publicadas. Como as mensagens são anónimas se quiser resposta indique o seu e-mail.

Mensagens

Subscrever para receber e-mail

Pode receber no seu e-mail cada artigo aqui publicado, para isso basta indicar o seu e-mail e depois ir lá confirmar a subscrição na mensagem que lhe será enviada. Simples, automático e recebendo cada artigo logo que publicado. .................................................

Escreva abaixo o seu endereço de e-mail:

Não esqueça ir depois ao seu e-mail confirmar a subscrição (se ocorrer avaria comunique).


Comentários

Pode comentar cada artigo e responder a comentários já existentes. Os comentários podem ser anónimos ou identificados e o conteúdo não é previamente (mas posteriormente) verificado.
Para comentar os artigos selecione "Comentar".
Os comentários são públicos. Para mensagens privadas use a caixa de mensagens ou o e-mail.
Os comentários ou respostas colocados pela administração da página surgem identificados como "oficialdejustica" e clicando no nome acede ao perfil da página. Não se identifique com nomes e de forma igual ou parecida com a referida designação.
Os comentários e as críticas não devem atingir pessoas mas apenas ideias. A discussão deve ser saudável, construtiva e digna. Serão eliminados os comentários que se julguem inadequados.

Comentários recentes

  • Anónimo

    http://www.cada.pt/uploads/Pareceres/2018/314.pdf

  • Anónimo

    mas publica-se assim moradas das pessoas?

  • Anónimo

    Esta estória já ouvi aqui nos Tribunais do Brasil

  • Yuri Knoll

    Não precisamos nem de Gulag, nem de Guilhotina ......

  • Anónimo

    A reforma Cardona.

  • Anónimo

    http://www.dgsi.pt/jtcn.nsf/-/5E08C05F4CF5AB048025...

  • Anónimo

    Como vivo do trabalho, e não ando a enganar ningué...

  • Anónimo

    Alguém sabe se há intenção de abrir novo concurso ...

  • Anónimo

    Pois eu revejo-me; o MP não é só o que dá na telev...

  • Anónimo

    Não me revejo neste texto.O stablishment tremeu e ...

  • Anónimo

    Obrigado.

  • oficialdejustica

    Nenhuma perspectiva neste momento.

  • Anónimo

    Alguma perspectiva para abertura de concurso de in...

  • Anónimo

    https://www.youtube.com/watch?v=JI4loQwmne0

  • Anónimo

    No requerimento de abertura de instrução entregue ...

  • Anónimo

    Foi uma investigação rápida. Em menos de um ano, o...

  • Anónimo

    A participação de procuradores e juízes em órgãos ...

  • Anónimo

    “Os fãs têm de perceber que com cada bilhete, cada...

  • Anónimo

    Gosto.

  • Anónimo

    E o estado do estatuto dos oficiais de justiça?

  • Anónimo

    esta é uma área nevrálgica numa democracia represe...

  • Anónimo

    É efetivamente um grande trabalho que temos que re...

  • Anónimo

    Este senhor também tem uma opinião :https://observ...

  • Anónimo

    Certo dia, vai a Oficial de Justiça em cumprimento...

  • Anónimo

    Uma mão cheia de nada?




oficialdejustica.blogs.sapo.pt

Ligações

Ligações de INTERESSE:

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  •  
  • Ligações a LEGISLAÇÃO

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  • Em alguns casos, pode não ver todo o documento mas só a primeira página. Baixe o documento para o ver e ficar com ele na totalidade.

  •  
  • _______________________

  •  
  • Ligações a DOCUMENTOS

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  •  
  • Ligações dos TRIBUNAIS

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  •  
  • POR e PARA Oficiais de Justiça

  •  
  •  
  • ________________________


    Onde encontrar o Ofici@l de Justiç@?

    Os artigos aqui publicados são distribuídos por e-mail a quem os subscrever e são ainda publicados no Facebook, no Twitter, no "Blogs Portugal", no "Reddit" e no "Google+", ou seja, em 7 plataformas diferentes:

    1- Sapo (oficialdejustica)

    2- Facebook (OficiaisJustiçaPortugal)

    3- Twitter (OfJustica)

    4- Blogs Portugal

    5- Reddit (OficialJustica)

    6- Google+

    7- Assinantes por "e-mail"






    Para além das outras possibilidades de comunicação, se pretender comunicar por e-mail, use o endereço abaixo indicado:

    OJ@SAPO.PT

    .......................................................................................................................