Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Oficial de Justiça

Bem-vindo/a ao DIÁRIO DIGITAL DOS OFICIAIS DE JUSTIÇA DE PORTUGAL publicação periódica independente com 7 anos de publicações diárias especialmente dirigidas aos Oficiais de Justiça



oficialdejustica.blogs.sapo.pt
DIÁRIO DIGITAL DOS OFICIAIS DE JUSTIÇA DE PORTUGAL (DD-OJ)
As publicações desta página podem ser encontradas diariamente em diversas plataformas:
oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt oficialdejustica.blogs.sapo.pt

...............................................................................................................................
| | | - COVID-19
[1] - Compilação de Sugestões de Medidas de Proteção Práticas para Oficiais de Justiça
[2] - Consulte aqui os dados oficiais diários atualizados da DGS e infografias
[3] - Consulte também aqui, em primeira mão, as notícias que a agência Lusa fornece para a comunicação social, entretanto com acesso gratuito

...............................................................................................................................

Quinta-feira, 08.03.18

“Paixão Clubística Irracional”

      Pois é, o assunto do momento é o futebol e os Oficiais de Justiça.

      Questão prévia: Os Oficiais de Justiça são, ao dia de hoje, um pouco mais de 7800 elementos, pelo que a circunstância da comunicação social se referir a problemas com dois ou três elementos, isso não se mostra relevante, representa um valor extremamente baixo e não é minimamente representativo do conjunto.

      Feita a observação, nada mais se dirá, aliás como é hábito nesta página, sobre o assunto e processos pendentes.

      No entanto, tendo em conta a divulgação na comunicação social das declarações televisivas do presidente do Sindicato dos Funcionários Judiciais (SFJ), são estas apenas as que abordaremos.

      Na SIC Notícias, Fernando Jorge disse assim:

      «Eu acho que neste caso, o que houve foi, eventualmente, uma paixão irracional clubística… Aquilo que está é um Oficial de Justiça que se calhar recebeu uma camisola ou um bilhete; bilhete que não são bilhetes, são convites, que aquilo nem têm valor; os bilhetes nem têm valor patrimonial, não é, aquilo são convites que os clubes oferecem a várias entidades e neste caso oferecem a várias entidades e neste caso ofereceram ao Oficial de Justiça que era simpático para com o clube. Se isto fosse uma informação passada a um amigo, neste caso o Dr. Paulo Gonçalves é advogado, e com o maior respeito por todos os advogados, se este Funcionário Judicial passasse uma informação sobre um processo a um advogado, processo simples, qualquer coisa menos importante que esta questão dos clubes e do futebol, esta… é… é… todas estas questões relacionadas com este processo, estão a ter esta mediatização, este impacto e mesmo esta apreciação pública, porque estamos a falar de clubes de futebol…»

      Ou seja, de acordo com o presidente do SFJ, os alegados crimes, ou crimes como os que são descritos, são frutos simples de um arrebatamento ou de um estado de êxtase clubístico, perfeitamente justificável porque, imbuídos de tal paixão, vê-se a tranquilidade do raciocínio e da ação toldada por aquele furor, assim se justificando qualquer irregularidade. Por outro lado, afirma não haver irregularidade, uma vez que uma camisola ou bilhetes são coisas sem qualquer valor.

      Para o representante do maior sindicato dos Oficiais de Justiça, a ação do Ministério Público e judicial não detém justificação porque apenas estamos perante um empolamento e mediatização do assunto, por estar relacionado com clubes de futebol.

      É esta a imagem que passa para os cidadãos dos Oficiais de Justiça: por um lado a imagem da comunicação social e, por outro lado, a imagem de desvalorização do assunto por parte de um representante sindical dos mesmos Oficiais de Justiça.

      Poderia este representante sindical referir que a esmagadora maioria dos Oficiais de Justiça são homens e mulheres detentores de uma integridade moral a toda a prova? Deixando de lado as camisolas e os bilhetes? Poderia este representante sindical explicar que aqueles Oficiais de Justiça arguidos ainda não foram julgados e que se presumem, até ver, inocentes? Seria preferível esta atitude séria e legal à de minimização e depreciação dos alegados factos? Será que a imagem dos Oficiais de Justiça saiu beneficiada ou valorizada depois desta intervenção?

      Responda às questões quem souber, puder ou quiser.

      Pode ver o vídeo com as declarações aqui transcritas, na página da "SIC Notícias", através da hiperligação aqui inclusa.

FernandoJorgeSFJ-10-SicNoticias.jpg

por: GF
oficialdejustica.blogs.sapo.pt

Autoria e outros dados (tags, etc)

Temas/"Tags":

às 08:08


3 comentários

De Anónimo a 08.03.2018 às 11:19

Bom dia.
Realmente o Sr. Fernando Jorge, enquanto entidade e representante máximo da nossa classe, devia ter tido mais "paixão" ao falar deste assunto e deveria ter, na verdade, defendido com unhas e dentes a nossa classe e os seus representados.
Não basta dizer aos quatro ventos que são os maiores representantes da nossa classe.
Quanto a mim, o Sr. Fernando Jorge já cá anda há anos demais e já começou a esquecer-se de quem é que o colocou naquele pedestal.

De Anónimo a 08.03.2018 às 14:08

Não deixa de ter piada a forma como se tratam as notícias neste país e como se desculpabiliza o corruptor, exigindo-se de imediato a pele do corrompido. Do género "o corruptor tem direito a tentar corromper, coitadinho. O corrompido é que tem que dizer "não"". Tem sido recorrente ver notícias em que se fala sempre dos corrompidos e os corruptores serem uma entidade etérea, que ninguém sabe bem quem é.
Outra situação engraçada, é ver os cabeçalhos. Se for um sapateiro, um advogado ou um serralheiro a bater na mulher a notícia é "homem bate na mulher".
Mas se for um funcionário público, podem estar certos que a sua profissão é o que vai aparecer.
A perseguição a quem trabalha no estado deriva de políticas dos que culpabilizaram os mesmos do estado do país, enquanto esses mesmos encheram e enchem a tulha, distraindo atenções.

De Anónimo a 09.03.2018 às 17:58

"Plano de Gestão de Riscos e Corrupção

​Documento em elaboração"

http://igfej.mj.pt/PT/InstrumentosDeGestao/planogestaorc/Paginas/default.aspx

Depois de anos de desconfiança e descrédito desde o crash de 31/08/2014 ainda está em elaboração...

Quem será capaz de nos convencer que é apenas por acaso?

Comentar Artigo



BandeiraPT oficialdejustica.blogs.sapo.pt
.................................................. INICIATIVAS COMPLEMENTARES:
..................................................
MEDIDAS e Sugestões de Proteção Prática para Oficiais de Justiça
Veja a compilação de sugestões recebidas até ao momento e envie o seu contributo para o e-mail:
OJ@sapo.pt
Consulte a lista aqui

..................................................
PERMUTAS para Oficiais de Justiça (Lista de Permutas)
Veja os pedidos existentes e envie os seus para o e-mail dedicado:
PermutasOJ@sapo.pt
Consulte a lista aqui

saiba+aqui
..................................................
Legislação e Publicações Relevantes - Lista com seleção diária de legislação e outras publicações relevantes em Diário da República e noutras fontes.
Consulte a lista aqui
saiba+aqui

..................................................
Lista de Alojamentos
Anúncios de Procura e de Oferta de alojamentos para Oficiais de Justiça. Contacte pelo e-mail dedicado:
ProcuraAlojamento@sapo.pt
Consulte a lista aqui

saiba+aqui
..................................................
Grupo WhatsApp para Oficiais de Justiça
A comunicação direta de, para e com todos. Saiba+Aqui

..................................................
Lista de Anúncios para Partilha de Carro
Boleias e partilhas de lugares nos carros, sejam diárias, aos fins-de-semana, para férias ou ocasionais, anuncie a disponibilidade e contacte pelo e-mail dedicado:
PartilhaDeCarro@sapo.pt
Consulte a lista aqui

saiba+aqui
..................................................
Estatuto dos Oficiais de Justiça EOJ - Para assuntos relacionados com o Estatuto em apreciação use o e-mail dedicado:
Estatuto-EOJ@sapo.pt

veja+aqui
..................................................
Histórias de Oficiais de Justiça (Compilação)
Envie histórias, peripécias, sustos, etc. para o e-mail dedicado:
HistoriasDeOficiaisDeJustica@sapo.pt

saiba+aqui

..................................................
Acordos & Descontos para Todos - Lista de descontos para Oficiais de Justiça oferecidos por empresas privadas.
Consulte a lista aqui
saiba+aqui

..................................................
Endereço Geral da página - Para assuntos diversos, use o endereço de e-mail geral:
OJ@Sapo.Pt

..................................................
Veja por aqui + informação sobre o Perfil / Autoria da página
+
Veja também por aqui o Estatuto Editorial e a Direção desta publicação
..................................................
Dúvidas sobre a Justiça?
Ligue para a Linha Justiça
(MJ) (chamada gratuita):
800 910 220
(das 9h às 19h nos dias úteis)
saiba+aqui e veja também o portal da Justiça em justiça.gov.pt
..................................................
Linha de Emergência Social:
Apoio da Segurança Social e do Ministério da Justiça:
144 (Linha Gratuita 24 h)
saiba+aqui
Linha da Segurança Social:
300 502 502 (das 09h às 18h)
..................................................
Outras Linhas de Apoio:
808 24 24 24 - SNS 24 / Saúde 24
(custo de chamada local)
800 209 899 - SOS Voz Amiga
(das 16h às 24h) (gratuita)
808 237 327 - Conversa Amiga
(das 15h às 22h) (gratuita)
239 484 020 - SOS Estudante
(das 20h à 1h)
222 080 707 - Telf. Esperança
(das 20h às 23h)
800 990 100 - SOS Pessoa Idosa
(das 10h às 17h) (gratuita)
..................................................

Meteorologia

Porto
Lisboa
Faro

Pesquisar

Pesquisar no Blog  


Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D

Para Contactar:

Para mensagens breves pode usar a caixa de mensagens abaixo (mensagens instantâneas) ou usar o endereço geral de e-mail: oj@sapo.pt para mensagens maiores, com imagens ou anexos ou se quiser uma resposta.

Mensagens Instantâneas

Na caixa de mensagens abaixo pode enviar qualquer tipo de mensagem de forma simples e rápida. Basta escrever, carregar no botão "Enviar" e já está. Estas mensagens são anónimas, não são públicas nem são publicadas. Como as mensagens são anónimas se quiser resposta indique o seu e-mail.

Mensagens

Subscrever para receber e-mail

Pode receber no seu e-mail cada artigo aqui publicado, para isso basta indicar o seu e-mail e depois ir lá confirmar a subscrição na mensagem que lhe será enviada. Simples, automático e recebendo cada artigo logo que publicado. .................................................

Escreva abaixo o seu endereço de e-mail:

Não esqueça ir depois ao seu e-mail confirmar a subscrição (se ocorrer avaria comunique).


Comentários

Pode comentar cada artigo e responder a comentários já existentes. Os comentários podem ser anónimos ou identificados e o conteúdo não é previamente (mas posteriormente) verificado.
Para comentar os artigos selecione "Comentar".
Os comentários são públicos. Para mensagens privadas use a caixa de mensagens ou o e-mail.
Os comentários ou respostas colocados pela administração da página surgem identificados como "oficialdejustica" e clicando no nome acede ao perfil da página. Não se identifique com nomes e de forma igual ou parecida com a referida designação.
Os comentários e as críticas não devem atingir pessoas mas apenas ideias. A discussão deve ser saudável, construtiva e digna. Serão eliminados os comentários que se julguem inadequados.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Espero sinceramente que o estatuto fique como está...

  • Anónimo

    Não tenho roupa preta.

  • Anónimo

    Esta malta dos sindicatos deveria dar lugar a outr...

  • Anónimo

    A verdade é que se O SFJ tivesse ido atrás do SOJ ...

  • Anónimo

    Uma simples opinião: (entre uma digitalização)Que ...

  • Anónimo

    Completamente de acordo.

  • Jota Man

    Mais conversa a discutir quem disse o quê, quem fa...

  • Anónimo

    Este comentário do SOJ e a seguir o do SFJ são mai...

  • Anónimo

    Venha lá a requalificação para assistente técnico....

  • Anónimo

    E ele a bater no ceguinho! Tumba tumba ....

  • Anónimo

    JUSTIÇASindicato dos Oficiais de Justiça apresenta...

  • Anónimo

    O SOj continua a emitir comunicados, a DGAJ não es...

  • Anónimo

    Conforme refere o SOJ:"maioria quererá manter o st...

  • Anónimo

    O que o soj diz no Facebook, tem até um esclareci...

  • Anónimo

    Está lançada a confusão! Então, há ou não há promo...

  • Anónimo

    A insatisfação e o protesto da classe é mais do qu...

  • oficialdejustica

    Obrigado pela confirmação e alerta relativo às seg...

  • oficialdejustica

    Obrigado pelo alerta. De facto, havendo já quem te...

  • Jota Man

    Nessa parte tem toda a razão, mas porquê falar em ...

  • Anónimo

    Boa ideia. Original...

  • Anónimo

    É verdade. Eu estou nessa situação e não se diga q...

  • Anónimo

    Na área da justiça há de facto injustiças que não ...

  • Jota Man

    Tem toda a razão desta lista já contam os da prime...

  • Anónimo

    Ah sim, decretar greve com uma boa parte dos OJ de...

  • Anónimo

    Caro colega, Desta última lista, fazem parte os da...




oficialdejustica.blogs.sapo.pt

Ligações

Ligações de INTERESSE:

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  •  
  • Ligações a LEGISLAÇÃO

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  • Em alguns casos, pode não ver todo o documento mas só a primeira página. Baixe o documento para o ver e ficar com ele na totalidade.

  •  
  • _______________________

  •  
  • Ligações a DOCUMENTOS

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  •  
  • Ligações dos TRIBUNAIS

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  •  
  • POR e PARA Oficiais de Justiça

  •  
  •  
  • ________________________


    Onde encontrar o Ofici@l de Justiç@?

    Os artigos aqui publicados são distribuídos por e-mail a quem os subscrever e são ainda publicados no Facebook, no Twitter, no "Blogs Portugal", no "Reddit" e no WhatsApp, ou seja, em 7 plataformas diferentes:

    1- Sapo (oficialdejustica)

    2- Facebook (OficiaisJustiçaPortugal)

    3- Twitter (OfJustica)

    4- Blogs Portugal

    5- Reddit (OficialJustica)

    6- WhatsApp

    7- Assinantes por "e-mail"






    Para além das outras possibilidades de comunicação, se pretender comunicar por e-mail, use o endereço abaixo indicado:

    OJ@SAPO.PT

    .......................................................................................................................