Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Oficial de Justiça

Esta página é uma iniciativa informativa DIÁRIA especialmente vocacionada para Oficiais de Justiça. De forma independente da administração da justiça e dos sindicatos, aqui se disponibiliza a informação relevante com um novo artigo todos os dias.



Pode ouvir aqui rádio com música alternativa não massiva e sem publicidade


FERIADOS NESTA SEMANA:
- 23ABR-Seg - Feriado Municipal: Velas
- 25ABR-Qua - Feriado Nacional: Dia da Liberdade
- 26ABR-Qui - Feriado Municipal: Belmonte
& pode ver + no Calendário do Oficial de Justiça 2018

Oficial de Justiça Últimas Publicações:

Sábado, 23.12.17

Sobre a Autoria do Blogue

      Este ano que agora se aproxima do fim, tem estado repleto de acontecimentos que nos ocuparam todos os dias com tantos e diversificados assuntos, alguns mais consensuais outros mais problemáticos, mas todos do interesse geral dos Oficiais de Justiça.

      Um dos aspetos que este ano e também ao longo dos anos vem suscitando interesse é a autoria desta página. Todos se questionam: quem é o autor do blogue?

      Sempre dissemos que a autoria, a pessoalização, não era um aspeto relevante e que o que verdadeiramente releva são as ideias e as informações que eram veiculadas.

      De todos modos, há uma persistência incessante e ainda recentemente muitos e-mails apelavam e discutiam o interesse em conhecer a autoria.

      Ora bem, deverão ter notado que desde sempre nos referimos no plural à autoria da página e às opiniões expostas e é isso mesmo que sucede: a autoria é coletiva e também partilhada, pois todos participam nas diversas áreas. Este projeto não pode ser conseguido apenas por uma pessoa, pois há muito trabalho a levar a cabo com as várias valências e ninguém a isto se dedica a tempo inteiro.

      Há quem tenha a responsabilidade dos e-mails, lendo-os e respondendo-lhes, da “decoração” da página (aspeto, mudança de cores, etc.) e da escrita dos artigos e é aqui, neste último aspeto que reside a parte mais substancial do interesse geral.

      Pois fiquem todos sabendo que a versão final dos escritos, a sua escrita e, portanto, a sua autoria, não é de um Oficial de Justiça.

      Sim. Embora, como é óbvio, as informações sejam recolhidas de todos os colaboradores e aí, sim, há Oficiais de Justiça, a escrita dos artigos está a cargo de um “compilador” das informações e que é o responsável pela redação e publicação, o que vem sucedendo de forma regular desde há dois anos.

      Embora inicialmente tal não sucedesse, houve um momento em que as publicações pararam e a atividade desta página parou completamente; sim, sem o ritmo diário que existia e hoje existe, e isso sucedeu durante os meses de novembro e dezembro de 2015. Nessa altura esta página parou e o projeto estava encerrado; acabado.

      Em 2016, o projeto foi retomado por impulso, iniciativa e incrível dedicação à causa dos Oficiais de Justiça, precisamente por um não Oficial de Justiça e que, pasme-se, nem sequer trabalha na função pública. No entanto, tem relações familiares e ainda de amizade com muitos Oficiais de Justiça e daí a sua vontade em retomar um projeto que via perder-se por causas externas.

      Desde então, nestes últimos dois anos, a autoria está integralmente a cargo de terceira pessoa que, no entanto, embora não seja Oficial de Justiça, detém um grupo de contacto de colaboradores Oficiais de Justiça, todos interessados na continuidade deste projeto e que prestam o necessário apoio.

      Assim, a partir de janeiro de 2016, cedida a administração e a autoria dos artigos a pessoa que, embora não sendo Oficial de Justiça, recebe as informações e os pontos de vista proporcionados pelos Oficiais de Justiça com quem se relaciona e, bem assim, daqueles outros que comunicam informações diversas e ainda das publicações na comunicação social, passando-se então a suprir a dificuldade sentida no final de 2015 que levou à suspensão das publicações e levaria até ao inevitável término deste projeto.

      O facto da autoria e administração atual estar entregue a alguém que não é Oficial de Justiça não se tem revelado desadequado, bem pelo contrário, tem permitido alguma visão mais isenta e alguns pontos de vista mais adequados e novos que os próprios Oficiais de Justiça, muitas vezes por manifesto defeito profissional, nem sempre alcançam. Além disso, já antes de 2016 havia uma estreita colaboração, sendo a autoria de muitos artigos do atual administrador e autor dos artigos, pelo que não foi algo de novo e repentino mas uma pacífica transição.

      A transição da administração e autoria foi efetuada de forma a não ser percetível para os leitores, mantendo-se os endereços, da página e até do e-mail, bem como o aspeto geral das publicações.

      Este artigo é também da autoria do mesmo, a sua escrita foi sugerida pelos colaboradores, tal como, para evitar confusões com a autoria e o endereço de e-mail desde sempre usado, se votou que passasse a ser incluído em cada artigo as iniciais do autor e a criação de um endereço de e-mail diferente que não cause confusões. Assim se fará, remodelando estes aspetos que, obviamente, se encontravam pendentes e careciam de atualização de forma a evitar interpretações erradas.

      O novo e-mail de contacto geral está disponibilizado na coluna aqui à direita, juntamente com os e-mails dedicados a determinados assuntos.

      A todos desejamos boas festas!

OlhosFachados1.jpg

por: GF
oficialdejustica.blogs.sapo.pt

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 08:03


7 comentários

De Anónimo a 23.12.2017 às 10:50

Agora compreendo. Sempre me fez confusão ler as referências aos oficiais de justiça como os outros e nunca em voz própria. Muitas vezes duvidei se isto seria mesmo escrito por um oficial de justiça. Agora estou indeciso em achar se fomos enganados.

De Anónimo a 23.12.2017 às 11:46

Fomos enganados mas bem enganados e não mal enganados. Bom Natal e melhor Ano Novo, é o que se quer.

De oficialdejustica a 23.12.2017 às 13:10

Não se trata de um engano, trata-se, antes, de uma revelação. Nunca se disse algo que fosse mentira, simplesmente não se disse tudo porque não havia necessidade de dizer e porque também ninguém antes perguntou. E como sempre se disse, o que releva não são as pessoas mas as ideias e as informações. Este não é um blogue pessoal virado para uma pessoa só, para dentro e para o seu autor, mas um blogue coletivo, virado para fora e para muitos e isso é o que verdadeiramente interessa e só interessará enquanto houver interessados e estes não só são muitos como cada vez são mais. Com uma média de leitura diária durante os dias úteis de cerca de 4000 pessoas e não sempre os mesmos, variando os acessos através de ligações novas e com novas subscrições por e-mail, não se poderá dizer que toda esta gente está enganada mas, antes, que está ávida de ser desenganada e, por isso, procuram esta página, para saberem mais e porque sabem que aqui encontram o que não se encontra em mais lado nenhum. Se é A ou B ou C quem escreve é um mero pormenor irrelevante.

De Anónimo a 23.12.2017 às 15:43

Concordo e apoio. Continuação. Obrigada e boas festas.

De Anónimo a 27.12.2017 às 14:12

Se é A ou B ou C ou quem quer que seja a escrever neste blog, efetivamente, é irrelevante. Por mim, pode até ser um(a) "marciano(a)" . Poderá, até, escrever de Marte ou de outro planeta qualquer.
Interessa e interessantes são, tal como incómodos para muitos o têm sido, isso sim é relevante para a classe dos Oficiais de Justiça que, de espírito crítico e construtivo tanto necessita.
Para o bem comum....espero que assim continuem, concisos, e com esse ou outro espírito crítico e construtivo.
Um Bem Haja e Votos de um Bom Ano de 2018...

De Anónimo a 27.12.2017 às 09:39

Não me preocupa de quem vem o blog. Interessa-me é o que lá vem escrito.
Continuem. Vocês fazem falta.
Esta classe anda letárgica. De uma maneira ou de outra, todos cá vêm das uma vista de olhos de vez em quando.
E, aliás, se ainda se mantêm a "lei da rolha" imposta há uns anos, percebo perfeitamente que não se identifiquem.
Da mesma forma como percebo que muitos - não os que para aqui vêm insultar por insultar - não se identifiquem, como eu.
Ao longo da minha profissão, já lidei com muito reacionário com o poder nas mãos. E são gente perigosa.
Nunca fiando...

De Anónimo a 27.12.2017 às 15:52

Uma boa tentativa de fazer crer algo que pode não ser...
"Smoke and mirrors" como dizem os ingleses...

Comentar Artigo



BandeiraPT oficialdejustica.blogs.sapo.pt .................................................. PERMUTAS para Oficiais de Justiça (Lista de Permutas)
Veja os pedidos existentes e envie os seus para o e-mail dedicado:
PermutasOJ@sapo.pt
Consulte a lista aqui

saiba+aqui
.................................................. Histórias de Oficiais de Justiça (Compilação)
Envie histórias, peripécias, sustos, etc. para o e-mail dedicado:
HistoriasDeOficiaisDeJustica@sapo.pt

saiba+aqui

..................................................
Estatuto dos Oficiais de Justiça EOJ - Para assuntos relacionados com o Estatuto em apreciação use o e-mail dedicado:
Estatuto-EOJ@sapo.pt

veja+aqui
..................................................
Endereço Geral da página - Para assuntos diversos, use o endereço de e-mail geral:
OJ@Sapo.Pt

..................................................
Dúvidas sobre a Justiça?
Ligue para a Linha Justiça
(MJ) (chamada gratuita):
800 910 220
(das 9h às 19h nos dias úteis)
saiba+aqui e veja também o portal da Justiça em justiça.gov.pt
..................................................
Linha de Emergência Social:
Apoio da Segurança Social e do Ministério da Justiça:
144 (Linha Gratuita 24 h)
saiba+aqui
..................................................
Outras Linhas de Apoio:
800 209 899 - SOS Voz Amiga
(das 16h às 24h) (gratuita)
808 237 327 - Conversa Amiga
(das 15h às 22h) (gratuita)
239 484 020 - SOS Estudante
(das 20h à 1h)
222 080 707 - Telf. Esperança
(das 20h às 23h)
800 990 100 - SOS Pessoa Idosa
(das 10h às 17h) (gratuita)
..................................................

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Dezembro 2017

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D

Para Contactar:

Para mensagens breves pode usar a caixa de mensagens abaixo (mensagens instantâneas) ou usar o endereço geral de e-mail: oj@sapo.pt para mensagens maiores, com imagens ou anexos ou se quiser uma resposta.

Mensagens Instantâneas

Na caixa de mensagens abaixo pode enviar qualquer tipo de mensagem de forma simples e rápida. Basta escrever, carregar no botão "Enviar" e já está. Estas mensagens são anónimas, não são públicas nem são publicadas. Como as mensagens são anónimas se quiser resposta indique o seu e-mail.

Mensagens

Subscrever para receber e-mail

Pode receber no seu e-mail cada artigo aqui publicado, para isso basta indicar o seu e-mail e depois ir lá confirmar a subscrição na mensagem que lhe será enviada. Simples, automático e recebendo cada artigo logo que publicado. .................................................

Escreva abaixo o seu endereço de e-mail:

Não esqueça ir depois ao seu e-mail confirmar a subscrição (se ocorrer avaria comunique).


Comentários

Pode comentar cada artigo e responder a comentários já existentes. Os comentários podem ser anónimos ou identificados e o conteúdo não é previamente (mas posteriormente) verificado.
Para comentar os artigos selecione "Comentar".
Os comentários são públicos. Para mensagens privadas use a caixa de mensagens ou o e-mail.
Os comentários ou respostas colocados pela administração da página surgem identificados como "oficialdejustica" e clicando no nome acede ao perfil da página. Não se identifique com nomes e de forma igual ou parecida com a referida designação.
Os comentários e as críticas não devem atingir pessoas mas apenas ideias. A discussão deve ser saudável, construtiva e digna. Serão eliminados os comentários que se julguem inadequados.

Comentários recentes

  • Anónimo

    E o colega acha mesmo que vai ser aumentado?

  • Anónimo

    Subscrevo. Os tempos dos carreiristas acabou. Pese...

  • Anónimo

    Com o grau 3, ao menos subo um patamar. E não é po...

  • Anónimo

    Caros colegas, tal supressão não é aceitável nem d...

  • Anónimo

    Estou-me pouco marimbando para o grau 3.Se daí não...

  • Anónimo

    Alguns não se entende o motivo da sua não colocaçã...

  • Anónimo

    Pelo menos conto 10 na disponibilidade.

  • Anónimo

    Como não há secretários supranumerários?! Logo na ...

  • Anónimo

    Secretários supranumerários não há, na disponibili...

  • Anónimo

    Um dos objectivos deste movimento é acabar com os ...

  • Anónimo

    Não existe qualquer instrumento jurídico (a não se...

  • Anónimo

    Pois tem razão, espero eu, eles vão ao procediment...

  • Anónimo

    As vagas não podem ser prejudicadas pelo secretári...

  • oficialdejustica

    Apesar de tudo, haverá alguns que conseguirão a co...

  • oficialdejustica

    Os lugares estão, hoje, de facto, vagos e apenas e...

  • Anónimo

    Realmente...

  • Anónimo

    Permita-me fazer uma correção: A declaração de vac...

  • Anónimo

    Desculpe discordar, se existem 60 vagas para promo...

  • oficialdejustica

    Ao abrigo do regime legal geral previsto no Estatu...

  • Anónimo

    Mas ao abrigo de que regime legal?

  • oficialdejustica

    Não há vaga que possa emergir mas há lugar que vai...

  • Anónimo

    Mas então as substituições em curso estão ao abrig...

  • oficialdejustica

    Não é ironia, é apenas uma adjetivação da sua anál...

  • Anónimo

    Mas ao abrigo de que regime legal? transferência? ...

  • Anónimo

    Obrigada pela breve resposta. Só não percebo o uso...




oficialdejustica.blogs.sapo.pt

Ligações

Ligações de INTERESSE:

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  •  
  • Ligações a LEGISLAÇÃO

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  • Em alguns casos, pode não ver todo o documento mas só a primeira página. Baixe o documento para o ver e ficar com ele na totalidade.

  •  
  • _______________________

  •  
  • Ligações a DOCUMENTOS

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  •  
  • Ligações dos TRIBUNAIS

  •  
  •  
  • ________________________

  •  
  •  
  • POR e PARA Oficiais de Justiça

  •  
  •  
  • ________________________


    Onde encontrar o Ofici@l de Justiç@?

    Os artigos aqui publicados são distribuídos por e-mail a quem os subscrever e são ainda publicados no Facebook, no Twitter e no "Blogs Portugal", ou seja, em 5 plataformas diferentes:

    1- Sapo (oficialdejustica)

    2- Facebook (OficiaisJustiçaPortugal)

    3- Twitter (OfJustica)

    4- Blogs Portugal

    5- Assinantes por "e-mail"






    Para além das outras possibilidades de comunicação, se pretender comunicar por e-mail, use o endereço abaixo indicado:

    OJ@SAPO.PT

    .......................................................................................................................